Costa Cruzeiros atribuiu 10 mil euros à Meditmin por ser a start-up mais sustentável

Costa Cruzeiros atribuiu o prémio para a start-up mais sustentável, no valor de 10 mil euros, à Meditmin, que comercializa uma solução de fertilização orgânica.

00002629

A Costa Cruzeiros atribuiu o prémio para a start-up mais sustentável, no valor de 10 mil euros, à Meditmin, que comercializa uma solução de fertilização orgânica, aproveitando minerais do Mediterrâneo para remineralizar e reviver plantas, desde unidades domésticas a hortas urbanas e agricultura em grande escala. Uma solução que “poupa enormes quantidades de água e fertilizantes tradicionais e aplicando os princípios de economia circular”.

“Estamos orgulhosos de atribuir este prémio à Meditmin e de ter apoiado os outros candidatos desde o início, pois este programa incorpora perfeitamente a nossa visão expressa no Costa Manifesto para o turismo baseado em valor, sustentável e inclusivo, e que faz parte do Memorando de Entendimento que assinámos com o município de Barcelona”, disse em comunicado Davide Triacca, Diretor de Sustentabilidade da Costa Cruzeiros e Secretário-Geral da Fundação Costa Crociere.

“Uma das ambições do nosso Plano de Sustentabilidade, denominado ”The Good Impact of Travel” é ajudar a impulsionar a inovação, através do apoio a startups talentosas e pioneiras”, refere o gestor.

“Esta primeira edição do Blue-Up representa uma prova clara disso, e é também um marco significativo neste acordo, pois está perfeitamente alinhado com os objetivos da Costa Cruzeiros para o desenvolvimento e apoio ao crescimento sustentável nas comunidades em que operamos”, conclui.

A Costa Cruzeiros celebrou a entrega de prémios da primeira edição do programa Blue-Up, destinado a promover e apoiar iniciativas empresariais de economia azul com potencial para a criação de emprego e impulsionar a atividade marítima.

O programa, designado “Barcelona Activa”, foi lançado em 2022, em colaboração com o município e o Porto de Barcelona.

 

Recomendadas

PremiumChatGPT. A nova galinha dos ovos de ouro que arrecadou 10 mil milhões da Microsoft

O eloquente e caricato ‘bot’ convenceu a Microsoft a investir cerca de 10 mil milhões de dólares na OpenAI, que já projeta receitas de mil milhões no próximo ano. Ainda assim, a tecnologia tem arestas por limar e não é claro para o que poderá ser utilizada.

Beta-i e VdA juntam-se para lançar o Innov.Club

O primeiro evento da comunidade que reúne inovadores mundiais para debater os desafios das organizações dá-se já no próximo dia 23 de janeiro. O Jornal Económico é membro do Innov.Club.

Premium“Netflix” da formação para empresas chega a Portugal

Os brasileiros da Witseed, uma plataforma de ‘streaming’ com cursos para executivos, estão a montar o negócio em Lisboa e esperam até ao final de 2023 ter até dez pessoas na equipa.
Comentários