Costa e Sánchez sublinham importância das interconexões energéticas (com áudio)

O primeiro-ministro português e o chefe do Governo espanhol tiveram ontem um encontro de trabalho para preparar a próxima cimeira europeia com destaque para o apoio à Ucrânia e para as questões energéticas, incluindo as interconexões energéticas.

epa09833606 Spanish Prime Minister Pedro Sanchez (L), Italian Prime Minister Mario Draghi (C), Portuguese Prime Minister Antonio Costa (R), with Greek Prime Minister Kyriakos Mitsotakis (on screen), during a press conference after their meeting at Villa Madama in Rome, Italy, 18 March 2022. EPA/ETTORE FERRARI

O primeiro-ministro português e o chefe do Governo espanhol tiveram ontem um encontro de trabalho para preparar a próxima cimeira europeia com destaque para o apoio à Ucrânia e para as questões energéticas, incluindo as interconexões energéticas.

António Costa realçou através da rede social Twitter a importância das interconexões energéticas, onde Portugal e Espanha podem apoiar os restantes países europeus no fornecimento das necessidades de gás natural da Europa.

Os dois líderes estiveram reunidos no início da noite para discutir e coordenar a posição dos dois países ibéricos na cimeira extraordinária de chefes de Estado e de Governo da União Europeia que vai ter lugar na próxima segunda e terça-feira em Bruxelas.

“As interconexões [energéticas] são uma prioridade no contexto europeu, mas precisamos de um verdadeiro compromisso político e financeiro da UE”, disse o primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, citado num comunicado de imprensa.

De acordo com Lisboa, Portugal e Espanha em conjunto têm capacidade instalada para suprir 30% daquilo que são as necessidades energéticas da Europa em gás natural, mas não podem disponibilizar essa capacidade porque não há interconexão que permita exportar esse gás natural para o resto da Europa.

No final de março, numa reunião ordinária do Conselho Europeu, os 27 também reconheceram a singularidade de Espanha e Portugal em matéria energética, o que permitirá a ambos os países implementar medidas temporárias e excecionais para reduzir os preços da eletricidade para consumidores e empresas.

Os dois chefes de Governo também abordaram a importância da unidade entre os países europeus face à invasão russa da Ucrânia.

“A articulação ibérica fortalece as relações bilaterais e o nosso papel comum na redefinição estratégica da Europa”, afirmou António Costa através do Twitter.

A reunião entre os líderes europeus vai discutir as ajudas à Ucrânia e sanções à Rússia, questões em que os 27 não estão totalmente de acordo devido à dependência que alguns Estados-membros têm de produtos energéticos da Rússia.

A nota de imprensa do gabinete do primeiro-ministro espanhol recorda que o encontro ente António Costa e Pedro Sánchez é a “primeira reunião bilateral após a formação do novo governo português”, tendo sido também tratadas “relações bilaterais, que transcendem o quadro clássico, dada a amplitude e profundidade da agenda comum”.

Recomendadas

Ministro da Economia: Mão-de-obra “está no centro das preocupações” do governo

O ministro da Economia e do Mar disse hoje que a questão da mão-de-obra em Portugal “está no centro das preocupações” do governo, alegando que a economia não poderá ser desenvolvida estando o país em retração demográfica.

Gestor da Ascendi Miguel Martín sucede a Cristina Casalinho na presidência do IGCP

O gestor da Ascendi Miguel Martín vai suceder a Cristina Casalinho na presidência do IGCP – Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública, de acordo com despacho das Finanças hoje publicado em Diário da República.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta sexta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta sexta-feira.
Comentários