Covid-19: Governo da Madeira cancela festividades do Carnaval de 2021

O Governo Regional da Madeira anunciou hoje o cancelamento das festividades do Carnaval de 2021, devido às medidas de contenção da pandemia de covid-19 em vigor, nomeadamente o distanciamento físico e a proibição de aglomerações.

“A decisão teve de ser tomada já, porque [a organização do Carnaval] impõe investimento por parte dos grupos, aquisição de roupas, aquisição de outros apetrechos”, refere o Secretário Regional do Turismo e Cultura, numa nota áudio enviada à agência Lusa.

Eduardo Jesus sublinha que a preparação do Carnaval não permite cumprir as orientações de segurança que estão em vigor.

“Estamos certos de que, com o aparecimento já de duas vacinas, este início de 2021 será o período privilegiado da vacinação, o que nos permite olhar para a frente com esperança e acreditar que será possível cumprir o resto do [calendário de festas] que temos já imaginado”, declarou.

O Carnaval é um dos maiores cartazes turísticos da Região Autónoma da Madeira e é marcado por dois grandes momentos: o desfile de trupes e o cortejo trapalhão.

De acordo com os dados mais recentes, o arquipélago da Madeira contabiliza 610 infeções ativas, num total de 1.687 casos confirmados desde 16 de março, e 14 óbitos associados à doença.

Recomendadas

Madeira: Marta Freitas volta a representar PS no Conselho Consultivo sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência

Marta Freitas, que já havia assumido esta posição no mandato anterior, foi agora reconduzida pelo Grupo Parlamentar Socialista, tendo tomado posse esta segunda-feira.

Saiba em que consiste a etiqueta energética e a sua importância na compra de equipamentos elétricos

A nova etiqueta energética já é uma realidade no nosso mercado. Os consumidores precisam de conhecer esta ferramenta, útil e intuitiva, para escolher os seus eletrodomésticos de forma esclarecida e eficiente.

Serviço Regional de Proteção Civil da Madeira celebra novo protocolo com a Escola Nacional de Bombeiros

O protocolo é válido por tempo indeterminado, permitindo ainda o intercâmbio entre formandos e formadores do SRPC e da ENB, em várias áreas formativas.
Comentários