Covid-19: Madeira com 371 casos positivos volta a bater máximo diário

A Madeira tem 2.337 casos ativos, 132 são importados e 2.205 de transmissão local. 36 pessoas estão hospitalizadas (36 em unidades polivalentes).

A Madeira confirmou mais 371 casos positivos de Covid-19, um novo máximo diário, face aos 325 atingidos na passada segunda-feira, de acordo com os dados da Direção Regional de Saúde (DRS).

Foram contabilizados mais 187 recuperados de coronavírus.

No total a região já contabilizou 18.326 casos positivos e 15.857 recuperados do vírus.

Foram confirmadas mais duas mortes, elevando total para 132 óbitos.

Dos 371 casos positivos, identificados na passada terça-feira, que constituem um novo máximo diário, 16 são importados e 355 de transmissão local.

Do 2.337 casos ativos, 132 são importados e 2.205 de transmissão local. 106 pessoas estão em isolamento em unidade hoteleira, 2.195 no alojamento e 36 estão hospitalizadas (36 em unidades polivalentes).

Existem 460 situações em estudo pelas autoridades de saúde, “estando estas relacionadas com viajantes identificados no aeroporto, contactos com casos positivos ou outras situações reportadas à linha SRS24 ou provenientes dos vários postos de testagem da região autónoma”, diz a DRS.

Em vigilância ativa devido a contactos com casos positivos estão 389 pessoas, e 44.700 pessoas estão também a ser acompanhadas pelas autoridades, com recurso à aplicação MadeiraSafe.

A Linha SRS24 (800 24 24 20) já recebeu 77.213 chamadas e a Linha de Apoio Psicológico da Direção Regional da Saúde (291 212 399) já realizou 3.988 atendimentos.

A operação de rastreio de viajantes nos portos e aeroportos da região já realizou 321.928 testes à Covid-19, e o laboratório de Patologia Clínica do SESARAM, EPERAM já processou 775.004 testes ao coronavírus.

Já foram realizados 854.829 testes rápidos de antigénio, sendo que 780.618 foram no âmbito da operação de
testagem massiva da população.

Recomendadas

SIC: Alargamento da dedução dos juros da habitação em sede de IRS poderá abranger mais de 660 mil famílias

Segundo a SIC Notícias, se a medida for incluída no Orçamento do próximo ano, como se espera, poderá abranger mais de 660 mil famílias. 

OE2023: PAN critica “rumo de desvalorização salarial” da função pública

A porta-voz do PAN criticou hoje a proposta de aumentos salariais para a função pública, apontando um “rumo de desvalorização salarial” e alertando que os funcionários públicos “viverão com menos recursos” no próximo ano.

OE2023: Iniciativa Liberal vai insistir no desagravamento de vários impostos

O líder da Iniciativa Liberal (IL) disse hoje, em Coimbra, que o partido vai apresentar cerca de uma dúzia de propostas de alteração ao Orçamento de Estado para 2023, que visam o desagravamento de vários impostos.
Comentários