Covid-19: Portugal arranca este domingo a primeira fase da vacinação

A ministra da Saúde, Marta Temido, que acompanhou o processo de chegada do primeiro lote de vacinas ao país, estará presente este domingo nos hospitais do Porto e de Coimbra para acompanhar o início do processo de vacinação.

Portugal inicia hoje a primeira fase de vacinação contra a covid-19, mais de nove meses depois do primeiro caso registado no país, numa iniciativa que abrange ao longo dos próximos dois dias os 27 estados-membros da União Europeia.

O primeiro lote de 9.750 doses da vacina desenvolvida pela Pfizer-BioNTech – a primeira a ser lançada no mercado, depois de ser autorizada pela Agência Europeia do Medicamento (EMA) – chegou este sábado e vai ser complementado na segunda-feira com um segundo contingente de 70.200 doses, que se traduz num acumulado de 79.950 doses para o arranque do plano de vacinação, destinado primeiramente a profissionais de saúde.

Os profissionais dos centros hospitalares universitários do Porto, Coimbra, Lisboa Norte e Lisboa Central são os primeiros a ser vacinados.

O Centro Hospitalar e Universitário de São João, no Porto, anunciou no sábado que prevê vacinar hoje 2.000 profissionais.

A ministra da Saúde, Marta Temido, que acompanhou o processo de chegada do primeiro lote de vacinas ao país, também estará hoje presente nos hospitais do Porto e de Coimbra para acompanhar o início do processo de vacinação.

De acordo com a portaria do Governo que criou o plano nacional de vacinação contra a covid-19, publicada na quarta-feira em Diário da República, a Direção-Geral da Saúde (DGS) tem a responsabilidade de executar o plano, que prevê vacinar até abril cerca de 950 mil pessoas dos grupos prioritários definidos pela ‘task-force’: pessoas com mais de 50 anos com doenças associadas, utentes e trabalhadores de lares e profissionais de saúde e de serviços essenciais.

A primeira fase de vacinação, entre o dia de hoje e o final de março de 2021, tem prevista a chegada de 1,2 milhões de doses de uma vacina que é facultativa, gratuita e universal, sendo assegurada pelo Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Simultaneamente, a Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed) criou no seu portal na Internet uma área com informações atualizadas sobre as vacinas contra a covid-19. Além de um espaço com “perguntas frequentes”, o Infarmed disponibiliza neste espaço informação sobre a vacina e o seu processo de aprovação, o resumo das características do medicamento e uma listagem com ligações úteis a várias entidades nacionais e internacionais.

O Governo também lançou no sábado uma nova página exclusivamente dedicada ao processo de vacinação contra a covid-19.

As informações estão disponíveis no ‘site’ da DGS e Estamos On (portal do Governo com as diferentes medidas de resposta à pandemia).

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.750.780 mortos resultantes de mais de 79,7 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 6.556 pessoas dos 392.996 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Relacionadas

Covid-19: Campanha de vacinação na União Europeia arranca este domingo

Aprovada em 21 de dezembro pela Agência Europeia do Medicamente (EMA) e pela Comissão Europeia, a vacina desenvolvida pela Pfizer e BioNTech começou a ser distribuída ao mesmo tempo pelos 27 Estados-membros – um compromisso de Bruxelas para assegurar um tratamento igual para todos -, embora nem todos comecem a administrá-la hoje.

Hospital de São João prepara-se para administrar 2.125 doses da vacina contra a Covid-19 ao longo de dez horas

Marta Temido irá assistir, a partir das 10h00 deste domingo, àquilo a que o responsável pelos serviços farmacêuticos do centro hospitalar portuense descreve como uma espécie de “ballet russo” que conta ver executado com o rigor de um relógio suíço.

Marta Temido diz que chegada das vacinas contra a Covid-19 marca “início de uma nova esperança”

Marta Temido deslocou-se aos armazéns do Serviço de Utilização Comum dos Hospitais, situado em Montemor-o-Velho, para receber o primeiro lote de 9.750 vacinas da Pfizer-BioNTech que serão administradas no domingo a profissionais de saúde de Lisboa, Porto e Coimbra.
Recomendadas

SIC: Alargamento da dedução dos juros da habitação em sede de IRS poderá abranger mais de 660 mil famílias

Segundo a SIC Notícias, se a medida for incluída no Orçamento do próximo ano, como se espera, poderá abranger mais de 660 mil famílias. 

OE2023: PAN critica “rumo de desvalorização salarial” da função pública

A porta-voz do PAN criticou hoje a proposta de aumentos salariais para a função pública, apontando um “rumo de desvalorização salarial” e alertando que os funcionários públicos “viverão com menos recursos” no próximo ano.

OE2023: Iniciativa Liberal vai insistir no desagravamento de vários impostos

O líder da Iniciativa Liberal (IL) disse hoje, em Coimbra, que o partido vai apresentar cerca de uma dúzia de propostas de alteração ao Orçamento de Estado para 2023, que visam o desagravamento de vários impostos.
Comentários