Cristiano Ronaldo conquista quarta Bola de Ouro

Craque português foi distinguido com o troféu individual mais desejado no planta futebol. Esta é a terceira Bola de Ouro conquistada pelo capitão da Seleção num espaço de quatro anos.

Após um interregno de cinco anos onde o prémio foi repartido com a FIFA– de 2010 a 2015 – a revista francesa France Football distinguiu este ano Cristiano Ronaldo com a Bola de Ouro 2016, o quarto troféu arrecadado pelo português.

No ano em que Portugal celebrou o título europeu em território francês, a mais categorizada revista de futebol do mundo volta a reconhecer o enorme talento do português depois das vitórias em 2008, 2013 e 13, o terceiro troféu em quatro anos. Cristiano Ronaldo fica novamente a uma Bola de Ouro de igualar Lionel Messi.

Além do Europeu, o português arrecadou também a última edição da Liga dos Campeões: disputou 55 jogos e marcou 55 golos com a camisola do Real Madrid.

Como nasceu a Bola de Ouro

A Ballon d’Or foi criada pela revista France Football em 1959, e até 2009, inicialmente com os jornalistas a escolhrem o melhor jogador europeu, depois de 1995 o melhor jogador a actuar na Europa e, a partir de 2007 a considerar todos os países do mundo.

Eusébio recebeu o galardão em 1965 e ficou em segundo lugar no ano seguinte, enquanto Luís Figo venceu em 2000, ano em que trocou o Barcelona pelo Real Madrid.

Cristiano Ronaldo recolheu a sua primeira Bola de Ouro em 2008, meses após ter ganho a primeira Liga dos Campeões, quando ainda representava o Manchester United.

Em 2010 o troféu foi fundido com o Melhor Jogador do Ano da FIFA, para criar o FIFA Ballon d’Or, uma aliança que só durou até ao ano passado, tendo Messi vencido quatro edições e Ronaldo duas.

Patrício fica em 12º

O guarda-redes do Sporting CP e da Seleção Nacional garantiu sete pontos e classificou-se à frente de craques como Paul Pogba, Zlatan Ibrahimovic, Toni Kroos e Luka Modric, garantindo assim a 12ª posição.

Recorde-se que esta foi a primeira nomeação de Rui Patrício para um galardão individual, numa votação que garantiu entrada na primeira metade da tabela.

No entanto, Patrício já não será o melhor guarda-redes de 2016 uma vez que Buffon garantiu o nono lugar.

Pepe garantiu um lugar entre os dez mais votados do mundo, conquistando o nono lugar com os mesmos pontos de Buffon. Mais um excelente resultado para um internacional português, a coroar um ano em que venceu Liga dos Campeões, pelo Real Madrid, e Euro 2016.

 

 

 

 

Recomendadas

Mundial. Portugal com 24 jogadores no último treino antes do duelo com Suíça

A seleção portuguesa de futebol realizou hoje o derradeiro treino antes do embate com a Suíça, dos oitavos de final do Mundial2022, num apronto em que só não participara, os indisponíveis Danilo Pereira e Nuno Mendes.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta segunda-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta segunda-feira.

Mundial2022: “Já provámos que podemos vencer Portugal”, diz selecionador suíço

O selecionador Murat Yakin expressou hoje a vontade de ver a Suíça ser dominante frente a Portugal, nos oitavos de final do Mundial2022 de futebol, e lembrou que os helvéticos já mostraram capacidade para poder vencer os lusos.
Comentários