Cuatrecasas muda de escritório em Angola

O novo espaço da sociedade ibérica em Luanda localiza-se na Torre Maculusso.

A sociedade de advogados Cuatrecasas mudou a localização do seu escritório em Angola para um edifício de escritórios no centro de Luana, a Torre Maculusso, onde se encontram outras empresas e instituições, como a embaixada de Espanha em Angola, a CMA, a GAC ou Banco Yetu.

O novo espaço da Cuatrecasas em Angola, um país no qual está presente há mais de dez anos, conta com mais de 300 metros quadrados – inseridos no célebre empreendimento de 16 andares – e oito profissionais. Segundo a firma ibérica de advocacia, esta mudança de morada (para a Rua Frederico Welwitsch) deve-se ao “contexto do crescimento contínuo” do negócio local, que se materializou com uma parceria

Em Portugal, o coordenador da atividade Cuatrecasas em Angola é o associado sénior André Duarte Figueira, do departamento de Energias e Infraestruturas.

“A sociedade continua empenhada no desenvolvimento deste relevante mercado, com base na colaboração existente entre o escritório de Lisboa, que conta com advogados com experiência acumulada no regime jurídico angolano, e o escritório de Luanda, sob a coordenação do André Duarte Figueira. Os novos escritórios constituem mais um importante passo no reforço do nosso posicionamento neste mercado e em África”, afirma, em comunicado divulgado esta sexta-feira, o managing partner da Cuatrecasas em Portugal, Nuno Sá Carvalho.

Segundo Antonio Baena, o sócio responsável pela área internacional da Cuatrecasas, esta mudança enquadra-se no “plano de renovação global dos nossos escritórios, tal como aconteceu nos últimos meses em Nova Iorque, Lisboa e Sevilha”. “Também estão previstas ampliações num futuro próximo em Bogotá, Santiago e Lima”, revelou, na mesma nota, o advogado de Comercial, Societário e M&A, acrescentando ainda que a sociedade “aposta uma vez mais na inovação e ampliação dos seus espaços”.

Desde o início de setembro que, globalmente, a Cuatrecasas é liderada por Rafael Fontana. A eleição do advogado para a presidência executiva do escritório ocorreu na Assembleia Geral de sócios extraordinária de 10 de agosto, que foi convocada após o falecimento repentino conselheiro delegado da Cuatrecasas Jorge Badía, em julho.

Recomendadas

Filipe de Vasconcelos Fernandes recebe Prémio António Barbosa de Melo de Estudos Parlamentares 2022 (com áudio)

Prémio é entregue esta segunda-feira, 5 de dezembro, na Universidade de Coimbra, a Filipe de Vasconcelos Fernandes, professor na Faculdade de Direito de Lisboa e advogado na VdA.

PremiumMudar modelo de negócio é uma opção para enfrentar “a maré de incertezas”

Empresas que não entendam o cenário macroeconómico enfrentam um futuro sombrio, alerta o CEO da DFK International. Consultoras “devem somar serviços”, diz em entrevista ao JE.

“Falar Direito”. “Renegociação? Medida deveria abranger outro tipo de créditos mais onerosos”

Na última edição do programa da plataforma multimédia JE TV, advogado Francisco Barona, sócio do departamento financeiro e governance da Sérvulo, considerou que o diploma referente à renegociação do crédito à habitação deveria ser mais abrangente, tendo em conta a contração de outros créditos mais onerosos.
Comentários