Delta é a empresa portuguesa com melhor reputação como empregadora (com áudio)

Ao recolherem mais de 80 pontos, estas três marcas encontram-se num nível de excelência.

Delta Cafés

A Delta é a empresa portuguesa com a melhor reputação de empregador em Portugal, consolidando a sua posição no estudo Employer Brand Reputation entre março de 2021 e fevereiro de 2022, mostra a consultora OnStrategy. Ainda assim, a empresa fundada por Rui Nabeiro ficou em terceiro lugar no plano geral.

A Microsoft e a Nestlé ultrapassaram a marca nacional de café, ficando em primeiro e segundo lugar, respetivamente. A Microsoft recolheu 81,4 pontos, numa escala de 100, a Nestlé um total de 81 pontos e a Delta somou 80,6 pontos. Ao recolherem mais de 80 pontos, estas três marcas encontram-se num nível de excelência.

Num nível robusto, ou seja, entre os 70 e os 80 pontos, estão 30 marcas nacionais e internacionais. A Google somou 79,8 pontos, a Vodafone recolheu 77,5 pontos, a EDP um total de 77,2, a Disney contou 76,7 e a L’Oreal somou 76 pontos no ranking.

Entre as empresas portuguesas no ranking destacam-se: Jerónimo Martins (73,8), Continente (73,6), Sonae (72,7), Galp (72,5), o grupo de hotelaria Pestana (72), grupo Super Bock (72), Nos (71,9), Sumol Compal (71,1), Pingo Doce (70,8), CUF (70,6) e Vista Alegre (70).

Entre as marcas internacionais, e presentes em Portugal, encontram-se: Lego (75,4), Altice (75,3), Samsung (74,8), Apple (74,7), Mercedes (74,2), Tesla (73,9), Mc Donald’s (73,3), Coca-Cola (72,1), Unilever (71,7), Emirates (71,5), Siemens (71,3), BMW (70,7), Pfizer (70,3) e Playstation (70,2).

Recomendadas

Bancos sujeitos a coimas até 1,5 milhões se não aplicarem diploma do Governo para crédito à habitação

Está já em vigor, a partir deste sábado, o diploma que estabelece medidas destinadas a mitigar os efeitos do incremento dos indexantes de referência de contratos de crédito para aquisição ou construção de habitação própria permanente. Bancos têm 45 dias a partir de hoje para aplicar as medidas.

Ministra da Justiça diz que é preciso melhorar condições dos processos de recuperação de empresas

“A melhoria das condições de processos de recuperação [de empresas], sobretudo em períodos de insolvência e de dúvida, como o que atravessamos, é um desafio, mas um desafio que temos de concretizar”, afirmou Catarina Sarmento e Castro.

Restaurantes da AHRESP vão assegurar alimentação dos peregrinos da Jornada Mundial da Juventude

A AHRESP vai apoiar a Fundação na “definição das regras de funcionamento da rede de restaurantes e similares que irão assegurar o fornecimento de refeições para os participantes da Jornada Mundial da Juventude e contactar restaurantes e similares para promover a sua adesão à rede, bem como promover o uso do Guia de Boas Práticas da Restauração e Bebidas junto da rede”, lê-se no comunicado.  
Comentários