Dicas para poupança. A mudança de comportamentos

Concebido no âmbito do Plano de Promoção e Eficiência no Consumo de Energia Elétrica 2013-2014, promovido pela ERSE – Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos, o programa Polo Positivo é dirigido a Instituições Particulares de Solidariedade Social com o objetivo de ver reduzido o valor da fatura de eletricidade, permitindo-lhes pouparem recursos financeiros e aplicá-los na […]


Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Concebido no âmbito do Plano de Promoção e Eficiência no Consumo de Energia Elétrica 2013-2014, promovido pela ERSE – Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos, o programa Polo Positivo é dirigido a Instituições Particulares de Solidariedade Social com o objetivo de ver reduzido o valor da fatura de eletricidade, permitindo-lhes pouparem recursos financeiros e aplicá-los na sua missão social.

As opções e hábitos dos utilizadores em relação à forma como utilizam os equipamentos e sistemas energéticos são, em última instância, o que vai determinar o maior ou menor consumo de energia nas instalações.

Um equipamento eficiente mas utilizado desnecessariamente ou de forma errada é um fator de consumo que pode e deve ser racionalizado.
A mudança de comportamentos é um processo lento e difícil, requer persistência e continuidade.

Siga as sugestões do programa Polo Positivo e dê o exemplo em casa ou no seu local de trabalho.

Comportamento dos utilizadores:

• Coloque etiquetas e autocolantes junto de interruptores, comandos e fichas alertando para a necessidade de desligar completamente os equipamentos quando não estão a ser utilizados;

• Dê a conhecer aos restantes membros da sua família ou colegas de trabalho algumas soluções simples podem adotar ou passar a ter em consideração;

• Promova boas práticas em eficiência energética pelo exemplo;

• Dê a conhecer os resultados que consegue alcançar e demonstre que o contributo dos mesmos está a fazer a diferença na poupança de energia e na redução do impacto ambiental;

• Para incentivar um maior envolvimento de todos nas ações de mudança comportamental, experimentar promover a partilha dos benefícios resultantes da economia de energia, por exemplo, utilizando parte da poupança na fatura para realizar uma obra ou ação dirigida aos utentes, suas famílias ou à comunidade onde se inserem.

OJE/Polo Positivo


 

Outras dicas

Diagnóstico

Mudança de comportamentos

Televisões e computadores

Gestão de água quente sanitária

caldeiras e radiadores de parede

Poupança energética na climatização/

Pequenos Eletrodomésticos

Equipamento de lavagem doméstica

Etiqueta energética

A iluminação

O edifício e envolvente

Recomendadas

JE Bom Dia: ‘Money Supply’ na Europa é conhecida num contexto de subida de taxas de juro

Por cá, o Banco de Portugal divulga os dados de crédito ao sector privado em outubro, e será um dia parado no Parlamento depois da aprovação do Orçamento do Estado na passada sexta-feira.

Topo da Agenda: o que não pode perder nos mercados e na economia esta semana

Uma semana rica em dados da inflação na Europa, que os mercados analisarão com atenção na busca de sinais sobre a política monetária de médio-prazo do BCE, que tem vários responsáveis a discursar. Também nos EUA e Inglaterra os responsáveis pelos bancos centrais discursam na antecâmara da última reunião do ano.

PRR, mesmo sem inflação, sofreria dos mesmos problemas

Execução da bazuca enfrentaria dificuldades com burocracia e mudanças na economia global, reforçando papel dos contabilistas.