Do Brasil para o mundo: no próximo JE editors Sunset talks, a história do Rock in Rio contada pela anfitriã Roberta Medina

Conseguimos agendar um pôr do sol com a empresária que nasceu dentro de um gigante negócio de entretenimento.

Nascido em 1985, pela visão de Roberto Medina, o Rock in Rio é reconhecido como um dos maiores festivais de música do planeta.

Desde então, mais de 9 milhões de pessoas já passaram pelas Cidades do Rock!

Em 2004 teve a sua primeira edição fora do Brasil, sob a responsabilidade da vice-presidente executiva Roberta Medina. Trouxe a marca para Portugal com sucesso e cativou o público nacional com o seu carisma.

O dia vai acabar melhor, descobrindo mais sobre a vida e o trabalho da empresária e produtora.

Roberta Medina na primeira pessoa amanhã, às 18h30 no rooftop Memmo Príncipe Real. Transmitimos em direto no site www.jornaleconomico.pt ou em www.facebook/JornalEconomico

 

Este conteúdo patrocinado foi produzido em colaboração com a ASUS

 

Recomendadas

Marcelo “pessimista” teme efeitos de “discurso muito dramático” do BCE

Perante uma plateia de empresários portugueses em São Francisco, na noite de segunda-feira na Califórnia, hoje de madrugada em Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa assumiu, porém, também ele “uma análise pessimista” da conjuntura económica portuguesa nos próximos tempos, “por causa do mundo”.

Admitidas 13 candidaturas ao concurso público internacional do SIRESP

Para a SIRESP SA, o “número significativo de candidatos qualificados é demonstrativo de que se encontram asseguradas condições de concorrência adequadas entre os potenciais interessados do setor de mercado relevante e de que o concurso poderá vir a consubstanciar-se numa mais-valia económica e tecnológica para o interesse público, que o Estado visa prosseguir com a aquisição desses serviços”.

Topo da Agenda: o que não pode perder nos mercados e na economia esta terça-feira

Destaque do dia para a Rússia, que vai publicar os dados relativos à taxa de desemprego e outros indicadores macroeconómicos, numa altura em que o esforço bélico e o prolongamento das sanções começam a afundar a economia do país.
Comentários