PremiumDona do Minipreço está a vender parte da operação em Portugal

Grupo DIA, a dona dos supermercados Minipreço, tem vindo a registar prejuízos e há dois dias vendeu 235 lojas em Espanha. Parte da operação portuguesa também estará à venda, apurou o JE.

O Grupo DIA, donos dos supermercados Minipreço, iniciou negociações para vender parte da sua operação em Portugal, apurou o Jornal Económico (JE).

O grupo com sede em Espanha – e que em Portugal opera num regime misto, com lojas próprias e uma rede de franchisados – anunciou esta quinta-feira prejuízos de 104,7 milhões de euros nos primeiros seis meses do ano. Um resultado que se reduz em apenas 0,1% face às perdas no primeiro semestre de 2021 (mais impactado pela pandemia de Covid-19). Já a dívida financeira do Grupo, por seu lado, “aumenta 71,9 milhões face a dezembro de 2021, para os 476,1 milhões de euros”. Este “aumento deve-se principalmente aos 134,3 milhões investidos no semestre, dos quais cerca de metade correspondem a investimentos previstos no âmbito do programa de remodelação de lojas que a empresa está a realizar”.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta terça-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta terça-feira.

Negócios com empresas portuguesas caem nos primeiros sete meses de 2022

As fusões e aquisições caíram 24% para 249, em comparação com o mesmo período do ano passado, e o valor dos mesmos recuou 61% para 5,8 mil milhões de euros. Garrigues, JP. Morgane e Seale & Associates lideram assessorias.

Pepco. “Primark da Polónia” vai abrir as primeiras lojas em Portugal no próximo ano

Portugal será o 18º mercado da marca que pertence ao britânico Pepco Group e tem cerca de 3 mil lojas na Europa. Inicialmente, haverá estabelecimentos no Porto, em Lisboa e na região do Algarve, mas o objetivo é expandir para o resto do país.
Comentários