A internet pode ajudá-lo a poupar

A massificação da internet tornou-a num catálogo quase infindável de produtos e serviços, onde poderá comparar preços, fazer simulações, mas também beneficiar das inúmeras campanhas promocionais. Para quê pagar mais por um produto ou serviço quando pode adquirí-lo por um preço mais reduzido?

A internet entrou nas nossas vidas de tal forma que, nos dias que correm, utilizamo-la para quase tudo. Seja para ver filmes e séries em streaming, fazer pagamentos, contratar serviços e até consultar as bolsas internacionais à procura da melhor oportunidade de investimento, a web tornou-se quase num bem essencial sem o qual o nosso dia-a-dia seria completamente diferente.

Entre as inúmeras vantagens em utilizar a internet, há uma que vale sempre a pena destacar: a possibilidade de poupar dinheiro.

A internet pode ser encarada como um catálogo infindável de oportunidades porque são vários os produtos e serviços que as empresas colocam na web para manterem os consumidores informados sobre as novidades mais recentes. Desde produtos à venda online, muitas vezes com desconto, até à simulação da fatura da luz, é na internet que consegue, de forma simples e eficaz, encontrar a solução ao preço mais competitivo para si.

Muitos de nós já fazem compras online enquanto outros continuam a preferir deslocarem-se às lojas físicas para efetuarem as suas compras. Mas a verdade é que é na web que se encontram os produtos que queremos com desconto.

Porquê? Porque as empresas e lojas têm o costume de lançar campanhas promocionais exclusivamente no mundo digital. Entre as grandes empresas de retalho presentes em Portugal, os consumidores poderão ir aos sites ou apps da Worten, Fnac ou Bertrand para encontrarem o gadget ou o livro que tanto querem mais barato do que em loja. E, nas redes sociais, como no Facebook ou no Instagram, são vários os anúncios de campanhas promocionais a “encherem” os ecrãs dos nossos smartphones. Além disso, convém não esquecer os sites de classificados como o custojusto.pt ou o OLX.

Também poderá poupar dinheiro se optar por aderir a certos contratos ou rever as condições de outros já contratados através da internet. Por exemplo, como refere a Associação Mutualista da Caixa Económica Montepio Geral, “se tem um crédito ao consumo e acha que está a pagar demasiado, pode recorrer ao site da sua instituição financeira para renegociar a prestação ou tentar alterar algumas condições”, podendo requerer o alargamento do prazo do empréstimo ou até renegociar um spread mais baixo.

Além de poder renegociar online com instituições financeiras, pode também negociar com empresas de telecomunicações. Se considera que o pacote que tem contratado já satisfaz as suas necessidades, ou se pensa que está a pagar demasiado por aquilo que tem, pode entrar em contacto com a operadora e rever as suas condições contratuais. Mas antes de o fazer, procure na internet os simuladores, que lhe dão um preço mais competitivo para aquilo que quer. Em alternativa, procure os vários tarifários das operadoras para estar informado quando contactar a sua prestadora de serviços.

Relacionadas

Como aplicar o subsídio de Natal?

Faz parte do elevado número de portugueses que utiliza o subsídio de Natal apenas para prendas e compras nesta época do ano? Sabia que este rendimento pode ser uma importante fonte de poupança? A finalidade que lhe der apenas depende de si.

Poupa Energia: Saiba como encontrar uma tarifa mais barata

A plataforma electrónica de simulação e comparação de tarifários de electricidade e gás natural da ADENE permite aos consumidores saberem quanto podem poupar anualmente nas facturas com a mudança de comercializador. Veja aqui como realizar as simulações.

O ‘efeito bola de neve’ dos juros compostos

Os juros compostos são juros somados ao capital ao fim de cada período de aplicação, formando com esta soma um novo capital. Não admira que até Einstein os reconheceu como a “maior força do universo”.

Farto de chegar ao final do mês sem dados móveis? Siga estas dicas

Se costuma navegar, usar aplicações ou ver vídeos em 3G ou 4G, o dispositivo consome dados móveis. É uma solução prática na falta de uma ligação wi-fi, na estrada, no comboio ou em férias. E tudo se tornou mais interessante após a abolição do roaming na União Europeia. Mas a navegação móvel não é ilimitada, nem gratuita. Saiba como gerir os seus dados.

Como subscrever Certificados de Reforma?

Investir para a reforma é algo que deve começar cedo, pois trata-se de um investimento a longo prazo e do qual só irá beneficiar provavelmente a partir dos 65 anos de idade. Entre as possíveis alternativas para este tipo de poupança, encontram-se os Certificados de Reforma. Saiba tudo sobre este produto financeiro.

Ano novo, vida nova? Dicas para melhorar a sua saúde financeira

Da eletricidade às telecomunicações, dos impostos ao combustível, conheça alguns truques que o vão ajudar a organizar as contas e a aumentar a poupança.
Recomendadas

Hoje é celebrado o Dia Internacional da Consciencialização sobre Perdas e Desperdício Alimentar

Na Europa, todos os anos, cerca de 89 milhões de toneladas de alimentos são deitados ao lixo. Em Portugal, estima-se que cada português desperdice cerca de 134 kg de alimentos por ano. Enquanto isto 1/6 da população mundial passa fome.

Dificuldades em pagar as contas? Processo de insolvência singular pode ser um caminho

O consumidor em situação ou na iminência de incumprimento e sem qualquer perspetiva, a médio ou longo prazo, de que a sua situação financeira se altere poderá recorrer ao tribunal para pedir a insolvência singular.

Comparadora de seguros HelloSafe recebe mais quatro milhões para expandir em Portugal

“Este financiamento irá apoiar a nossa ambição de nos tornarmos a plataforma internacional número um em Portugal para comparar produtos financeiros e de seguros”, diz Oleksiy Lysogub, cofundador da empresa canadiana. ‘Insurtech’ vai contratar 40 pessoas.
Comentários