Efacec está a fornecer transformadores para as barragens do Tâmega

O complexo hidroelétrico da Iberdrola conta com três barragens e uma potência instalada de 1.158 megawatts.

A Efacec está prestes a concluir o fornecimento de transformadores para o projeto de 1,5 milhões de euros do sistema electroprodutor do Tâmega para a gigante energética espanhola.

O complexo hidroelétrico integrou a construção de três barragens (Daivões, Gouvães e Alto Tâmega), promoveu a criação de 13.500 empregos diretos e indiretos e contou com uma potência instalada de 1.158 megawatts (MW), podendo alcançar uma produção anual de 1.760 gigawatts hora (GWh), assegurando 6% do consumo elétrico nacional.

O projecto em causa é considerado por um dos maiores projetos hidroelétricos realizados na Europa nos últimos 25 anos para a Iberdrola, que é uma das maiores produtoras de energias renováveis da Europa e dos EUA e uma das cinco maiores companhias elétricas do mundo.

De acordo com a nota divulgada esta terça-feira, o projeto compreendeu o fabrico e o fornecimento pela Efacec dos transformadores das três centrais que constituem o complexo hidroelétrico que a Iberdrola desenvolveu no Alto Tâmega.

“No final de 2021 ficou concluído o fornecimento para a Central Hidroelétrica de Daivões, consistindo em dois transformadores de potência de 65 MVA 400 kV e dois transformadores de distribuição de 2.5 MVA 15 kV. A estes juntou-se o fornecimento concluído em 2020 para a central hidroelétrica de Gouvães de quatro transformadores de ootência de 245 MVA 410 kV e dois transformadores de dstribuição de 5,6 MVA 20 kV.”, escreve-se no comunicado.

A última fase do sistema electroprodutor do Tâmega será realizada até ao final de maio deste ano com a entrega dos quatro últimos transformadores, informa o comunicado, sendo eles, os dois transformadores de potência de 90 MVA 410 kV e dois transformadores de distribuição de 2.5 MVA 15 kV.

Para Fernando Vaz, administrador executivo com o pelouro de operações da Efacec considera o projecto de maior relevância “na área energética para Portugal e para a Europa, com uma forte importância tecnológica, e que comprovou a confiança da Iberdrola na Efacec”, argumentando que ao conquistar o “concurso internacional”, “a Efacec reforça o seu posicionamento de referência mundial no fornecimento de transformadores elétricos”.

Recomendadas

Ministro do Ambiente reconhece que “é inevitável” contratar mais trabalhadores para o Metro de Lisboa

Duarte Cordeiro, ministro do Ambiente e da Ação Climática, disse que até ao final do mês de junho serão iniciados os procedimentos para as contratações no Metro de Lisboa.

PremiumRovensa compra mexicana Cosmocel por um valor superior a 500 milhões de euros

Com a integração da Cosmocel, a empresa portuguesa Rovensa eleva as suas receitas para mais de 650 milhões de euros.

Revisão de preços nas empreitadas públicas pretende evitar concursos “desertos” do PRR

Especialistas ouvidos pela Lusa explicam que o regime excecional para revisão de preços nas empreitadas de obras públicas, perante a subida da inflação, tem por objetivo evitar concursos “desertos” e impactos na execução dos programas de apoio financeiro, no âmbito do PRR.
Comentários