Eleições no IL. Carla Castro quer partido sem “barões e caciques” e com “membros livres”

“Um partido em que os membros são livres, em que não aceitamos que nos digam quem deve ser o presidente”, defendeu este sábado Carla Castro.

A candidata à liderança da Iniciativa Liberal (IL) e deputada, Carla Castro, disse hoje querer um partido em que “os membros são livres” e não aceitam que lhes digam “quem deve ser o presidente”, sem “barões e caciques”.

Num discurso fortemente aplaudido na VII Convenção Nacional da Iniciativa Liberal, Carla Castro subiu ao púlpito do Centro de Congressos, em Lisboa, para apresentar a sua lista à comissão executiva, defendendo um partido com “membros livres”.

“Um partido em que os membros são livres, em que não aceitamos que nos digam quem deve ser o presidente”, defendeu, acrescentando que “no país, no partido” e nas suas vidas os liberais “não são paus mandados”.

Carla Castro rejeitou uma força política de “barões e caciques” e pediu uma IL “unida dentro para vencer fora”.

Decorre este fim de semana a VII Convenção Nacional da IL em Lisboa, no âmbito da qual será eleito o sucessor de João Cotrim Figueiredo na liderança do partido.

Assim, ainda este sábado, João Cotrim Figueiredo despediu-se da liderança da IL, garantindo sair com “sentimento de dever cumprido”. Aproveitou, além disso, para deixar um recado ao primeiro-ministro, António Costa: o partido “vai continuar a dar bons motivos para se irritar: Habitue-se”.

Relacionadas

Eleições no IL. José Cardoso diz que outros candidatos são “mais do mesmo arroz”

O conselheiro nacional José Cardoso defendeu que a IL tem de fazer “a transição” de uma liderança “que seca tudo à sua volta” para outra que distribua “para ser ainda maior”.

“Eu não quero fazer cócegas ao sistema, eu quero mudar Portugal”, afirma Rui Rocha

“Eu não quero fazer cócegas ao sistema, eu quero mudar Portugal. Nós vamos mudar Portugal”, comprometeu-se Rui Rocha, que está na corrida à liderança da Iniciativa Liberal.
João Cotrim de Figueiredo

Reunião magna para escolher quarto líder liberal começa hoje em Lisboa

Cerca de 2.300 membros – de um universo de seis mil – inscreveram-se para esta reunião magna de dois dias que decorre no Centro de Congressos de Lisboa. Serão estes militantes liberais que vão eleger os órgãos nacionais do partido no domingo, entre o quais a comissão executiva e, consequentemente, o novo presidente da Iniciativa Liberal.

“A IL está aqui para continuar a dar motivos para irritar Costa. Habitue-se”

João Cotrim Figueiredo deixa a liderança da Iniciativa Liberal, deixando críticas a António Costa, ao ministro das Finanças, Fernando Medina, mas também a Pedro Nuno Santos.
Recomendadas

Governo realiza audição pública de propostas das zonas para energia renovável offshore

A audição é aberta a todos os cidadãos, organizações, entidades, municípios que queiram apresentar sugestões.

Rui Tavares em “Discurso Direto”: “Porque não um governo de esquerda com ministros de vários partidos?”

Discurso Direto é um programa do Novo Semanário e do Jornal Económico onde todas as semanas são entrevistados os protagonistas da política, da economia, da cultura e do desporto. Veja a entrevista ao deputado único e líder do Livre, Rui Tavares.

Baixas até três dias podem vir a ser emitidas pelo SNS24

A alteração vai ser proposta na quarta-feira, com o grupo parlamentar a quer adicionar o “serviço digital do SNS” como prova de doença.
Comentários