Está de partida para o Sinai? Talvez seja melhor desmarcar

“Desaconselham-se quaisquer viagens às áreas fronteiriças com a Líbia e o Sudão, bem como ao norte da península do Sinai“, alerta o Governo português no Portal das Comunidades Portuguesas. O Governo vem assim desaconselhar quaisquer viagens a áreas fronteiriças com a Líbia e o Sudão, bem como ao norte da península egípcia do Sinai. Este […]


Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

“Desaconselham-se quaisquer viagens às áreas fronteiriças com a Líbia e o Sudão, bem como ao norte da península do Sinai“, alerta o Governo português no Portal das Comunidades Portuguesas. O Governo vem assim desaconselhar quaisquer viagens a áreas fronteiriças com a Líbia e o Sudão, bem como ao norte da península egípcia do Sinai.

Este aviso surge cinco dias depois de um Airbus A321 da companhia russa MetroJet se ter despenhado no norte do Sinai, matando todas as pessoas a bordo (224), apenas 23 minutos depois de descolar da estância balnear egípcia de Sharm el-Sheikh, localizada no Sinai. Recorde-se que Londres e Washington consideram provável que a queda do avião tenha sido provocada pela explosão de uma bomba.

Este aviso também abrange outras áreas do território egípcio: “desaconselham-se as viagens não essenciais ao sul da península do Sinai, eixo de Suez – Ismailia – Port Saïd, Cairo e Alexandria, principalmente a locais de manifestações, potenciais focos de violência”.

As autoridades relembram que estas informações “não têm natureza vinculativa, funcionam apenas como indicações e conselhos e são suscetíveis de alteração a qualquer momento”.

A França também já veio desaconselhar as viagens a estes destinos.

OJE

Recomendadas

Portugal sobe duas posições no Ranking Mundial de Talento e é agora o 24.º mais competitivo

Portugal melhora sobretudo na Investigação & Desenvolvimento e na Preparação. O podium mundial é liderado pela Suíça, Suécia e Islândia, as três economias mais competitivas em talento a nível mundial entre os 63 países analisados pela escola de negócios IMD.

António Costa: Ambiente+Simples ajuda investimento nas renováveis

O primeiro-ministro afirmou que a desburocratização e a digitalização da administração pública é fundamental para reduzir custos e facilitar o investimento nas renováveis.

Presidente do Peru detido após ser destituído e acusado de golpe de Estado

Pedro Castillo foi detido e está na sede da polícia de Lima, depois de ter sido destituído pelo Congresso, acusado de tentar executar um golpe de Estado ao anunciar a sua dissolução.