EUA: Criação de emprego fica nos 263 mil postos em setembro

O número para setembro fica abaixo da média dos oito primeiros meses do ano, que chegou a 439 mil, numa altura em que se começam a sentir os efeitos da subida das taxas de juro e da elevada inflação. Ainda assim, o desemprego recuou para 3,5%, sublinhando a rigidez do mercado laboral americano.

A economia norte-americana viu serem criados 263 mil postos de trabalho em setembro, de acordo com os dados do Departamento do Trabalho dos EUA divulgados esta sexta-feira, o número mais baixo desde abril de 2021. A expectativa era, ainda assim, de apenas 250 mil, embora as projeções apresentassem alguma variância.

No mês anterior, a criação de emprego tinha ascendido a 315 mil, um número confirmado no relatório desta sexta-feira. Recorde-se que, historicamente, agosto é um mês com pouca variação no emprego.

O consenso entre as projeções apontava para 250 mil postos de trabalho criados, mas as expectativas variavam bastante, com, por exemplo, o Dow Jones a estimar 270 mil postos, ao passo que os analistas do portal TradingEconomics apontavam a 290 mil. Ainda assim, o nível de emprego já ultrapassou o registado antes da pandemia em mais de 500 mil.

Os números divulgados ficam abaixo da média dos oito primeiros meses do ano, que chegou a 439 mil, o que pode apontar para um abrandamento da atividade económica fruto da subida das taxas de juro nos EUA e de uma inflação elevada e persistente, que deteriora o poder de compra e o consumo das famílias.

Olhando para a taxa de desemprego, esta recuou para 3,5% após o aumento do mês anterior, quando saltou para 3,7%. Este é mais um sinal da rigidez histórica do mercado laboral norte-americano, um ponto frisado repetidas vezes pela Reserva Federal ao justificar a sua avaliação de que a maior economia do mundo não está numa recessão real.

Já no que toca aos salários, onde a dinâmica de evolução tem sido monitorizada atentamente, estes cresceram apenas 0,3% em cadeia e 5% em termos homólogos, valores que ficam em linha com as projeções do mercado. Os aumentos salariais podem acrescentar à pressão nos preços ao garantir maior rendimento às famílias, naquilo que são habitualmente descritos como efeitos de segunda ordem.

O turismo e lazer continua a dominar os ganhos, depois da destruição durante os tempos da pandemia, e representou 83 mil postos no mês em análise, seguindo-se a saúde, onde foram criados 60 mil empregos.

Recomendadas

Mais de 300 crianças e jovens morrem por dia por causas relacionadas com a sida

Mais de 300 crianças e jovens morrem diariamente por causas relacionadas com a sida, totalizando cerca de 110 mil só em 2021, revela um relatório global da Unicef, que alerta para a estagnação sem precedentes no combate à sida.

PGR angolana diz que investigação a ex-vice-PR irá avançar após fim de período de imunidade

O Procurador-Geral da República de Angola afirmou hoje que a investigação ao ex-vice-presidente angolano Manuel Vicente é um processo “vai ser trabalhado normalmente” depois de ter terminado o período de imunidade legal, cinco anos após terminar funções.

PGR angolana promete processo contra Isabel dos Santos, mesmo sem ouvir empresária

O Procurador-Geral da República de Angola prometeu hoje que o processo contra Isabel dos Santos vai avançar, mesmo que a empresária não preste declarações no âmbito do mandado de detenção internacional pedido pelas autoridades de Angola.
Comentários