Euronext mantém PSI 20 inalterado

A revisão da praça lisboeta de dezembro não teve alterações nos seus constituintes.

Reuters

A Euronext anunciou esta quarta-feira os resultados da revisão trimestral do principal índice português, o PSI20, tendo-o mantido inalterado em dezembro. Caso a praça lisboeta sofresse mudanças nos seus constituintes, as alterações iriam entrar em vigor a partir a próxima segunda-feira, dia 24 de dezembro.

“O PSI20 é revisto trimestralmente em junho, setembro e dezembro. A revisão anual completa é em março. As revisões trimestrais servem para facilitar a inclusão de empresas cotadas recentemente e outros não-constituintes elegíveis que ocupem a 15ª posição ou melhor”, refere a Euronext em comunicado.

A bolsa de valores europeia, sedeada em Amesterdão sublinha que, além disso, “os constituintes cuja classificação se tornou inferior a 25 serão removidos. Possíveis não constituintes são adicionados para manter pelo menos 18 constituintes no índice”.

Relacionadas

Isabel Ucha é a nova CEO da Bolsa de Lisboa

Conselho de Supervisão da Euronext anunciou hoje a nomeação de Isabel Ucha para o cargo de presidente da Euronext Lisboa. Vai suceder Paulo Rodrigues da Silva, a partir de janeiro de 2019.
Recomendadas

A queda da libra e a bolsa brasileira. Veja os gráficos da semana no “Mercados em Ação”

Veja os destaques na rubrica “Gráficos da Semana”, da responsabilidade de Marco Silva, consultor de estratégia e investimento, no programa que contou com a análise de Nuno Sousa Pereira, Head of Investments da Sixty Degrees.

OPEP+ está a equacionar corte de produção de até 2 milhões de barris por dia

Reunião de hoje em Viena. A OPEP+ está a equacionar um corte de produção de até 2 milhões de barris por dia.

PSI mantém-se no ‘vermelho’ em linha com a generalidade das praças europeias

O sentimento negativo é transversal às restantes praças europeias. O alemão DAX cai 0,78% para 12.572,23 pontos, o britânico FTSE desce 0,98% para 7.017,90 pontos, o espanhol IBEX cai 1,45% para 7.584,62 pontos e o francês CAC perde 0,66% para 5.999,70 pontos. 
Comentários