Eurozona deve criar sistema uniforme de garantia de depósitos, afirma Draghi

Draghi considera que a eurozona deve incorporar um sistema uniforme de garantia de depósitos para evitar repetir os erros cometidos no passado relativos à conceção do euro. “Para garantir que os depósitos estão verdadeiramente seguros em qualquer local da eurozona, a probabilidade de que um banco caia tem que ser independente da jurisdição onde está […]

Draghi considera que a eurozona deve incorporar um sistema uniforme de garantia de depósitos para evitar repetir os erros cometidos no passado relativos à conceção do euro.

“Para garantir que os depósitos estão verdadeiramente seguros em qualquer local da eurozona, a probabilidade de que um banco caia tem que ser independente da jurisdição onde está estabelecido”, indicou o presidente do Banco Central Europeu (BCE), Mario Draghi durante a sua intervenção num fórum económico celebrado em Frankfurt.

Neste sentido, o presidente do BCE sublinhou que, em caso de quebra de um banco, “os depositantes devem ser objeto de proteção similar independentemente de onde se encontrem”.

“Os depósitos têm que inspirar o mesmo nível de confiança estejam onde estiverem”, acrescentou o banqueiro italiano como recomendação para finalizar os aspetos pendentes da união bancária e “evitar cometer o mesmo erro que na introdução do euro”.

Assim, o presidente do BCE recordou que a união bancária foi concebida sobre três pilares, incluindo um supervisor único, papel assumido pelo BCE, assim como um mecanismo único de resolução de entidades e uma proteção uniforme dos depósitos.

Por outro lado, Draghi apontou que se quer restaurar a estabilidade imprescindível para o regresso da prosperidade à Europa, é necessário ter em conta os custos económicos vinculados à incerteza onde operam as empresas europeias.

OJE

Recomendadas

CEO da EDP diz que Portugal tem sido “exemplo de estabilidade” nos preços para as famílias

Em declarações aos jornalistas durante uma visita a um parque solar flutuante em Singapura, o CEO da EDP disse que a evolução dos preços em Portugal, incluindo um aumento médio de cerca de 3% do valor global da fatura de eletricidade dos clientes residenciais da EDP Comercial a partir de janeiro, “é uma coisa perfeitamente estável face ao enquadramento que existe”.

Topo da Agenda: o que não pode perder nos mercados e na economia esta quarta-feira

A União Europeia deverá divulgar na quarta-feira dados concretos sobre a evolução do emprego no terceiro trimestre deste ano. O indicador é importante na definição da estratégia de política monetária daqui para a frente, já que historicamente sinaliza (ou não) um cenário de recessão – uma preocupação que tem estado na agenda dos bancos centrais.

Adjudicados últimos seis lotes do concurso para fornecimento de serviços à rede SIRESP

O concurso para fornecimento de serviços à rede de emergência SIRESP foi concluído na segunda-feira, antes do prazo, com a adjudicação dos restantes seis lotes, anunciou hoje a empresa que gere o sistema.