Exclusivo: Filipe Menezes de Oliveira fora da corrida à liderança do PS Madeira

O antigo presidente da Câmara do Porto Santo tinha mostrado intenção de se candidatar à liderança do PS Madeira. Menezes de Oliveira, explica, em exclusivo, ao Económico Madeira, que tal não vai acontecer devido a uma “oportunidade profissional inconciliável” com a formalização da candidatura à liderança dos socialistas madeirenses.

DR
DR

Filipe Menezes de Oliveira, antigo presidente da Câmara Municipal do Porto Santo, está fora da corrida à liderança do PS Madeira, confirmou o próprio ao Económico Madeira, em exclusivo.

Menezes de Oliveira, explica, ao Económico Madeira, que não vai candidatar-se à liderança do PS Madeira, devido a “uma oportunidade profissional inconciliável” com a formalização de uma candidatura à liderança dos socialistas madeirenses.

O socialista tinha sido presidente da Câmara Municipal do Porto Santo entre 2013 e 2017. Nessa eleição o PS venceu com maioria absoluta, tendo obtido 41% e eleito três vereadores. Seguiu-se o PSD com 36% e dois vereadores.

Menezes de Oliveira voltaria a ser candidato do PS, ao Porto Santo, em 2017, mas acabou por perder essas eleições para o PSD.

O PSD obteria 37% e dois vereadores e 1.283 votos, seguido pelo PS com 36%, dois vereadores e 1.251 votos, e o Mais Porto Santo com 13% e um vereador.

Nas eleições autárquicas de 2021 o PS Madeira apresentou Miguel Brito como candidato. A coligação PSD/CDS-PP viria a vencer com 50% e maioria absoluta, tendo eleito três vereadores, seguido pelo PS com 30% e um vereador e o UNE com 15% e um vereador.

O atual presidente demissionário do PS Madeira, Paulo Cafôfo, anunciou a sua saída do cargo na noite das eleições autárquicas de 26 de setembro de 2021.

O PS Madeira marcou eleições para 19 de fevereiro e o congresso para 12 e 13 de março.

Atualizado às 11:36 com data das eleições e do congresso do PS Madeira

Recomendadas

PremiumDreaming of a Landscape lança novo single “RUSTIC”

Sendo originalmente um projeto a solo, levado a cabo por Diomar Rocha, este novo tema marca a primeira aposta num trabalho coletivo. No projeto DOAL, iniciado em 2017, integram agora André Paixão na bateria, Ricardo Paixão no baixo e Filipe Sousa na guitarra.

Premium“Do avião vi a estrela pular” exprime temáticas da adolescência e insularidade

Nesta exposição, o fotógrafo Igor Pjorrt apresenta um reportório de fotografias que vêm desde 2013 até 2021. A exposição está disponível até ao dia 30 de janeiro na Rua do Bettencourt, nº10, 3º andar, no Funchal.

Madeira: Bloco de Esquerda quer visão integrada para as pessoas em situação de sem-abrigo

Sílvia Ferreira explicou que o projeto “Co-Abrigo” é uma  habitação partilhada, que só foi possível concretizar através de doações, e que visa promover a integração social e o desenvolvimento de competências fundamentais à automatização pessoal e à gestão de uma vida quotidiana.
Comentários