Faculdade de Economia do Porto vence Oliver Wyman Iberia Case Competition

A equipa da Faculdade de Economia da Universidade do Porto (FEP) constituída pelos estudantes Inês Rocha, José Maria Antunes e Maria Manuel Coutinho venceu a Oliver Wyman Iberia Case Competition 2014. A final da competição foi disputada por nove equipas, tendo a FEP sido a única escola portuguesa a chegar a esta fase, que teve […]

A equipa da Faculdade de Economia da Universidade do Porto (FEP) constituída pelos estudantes Inês Rocha, José Maria Antunes e Maria Manuel Coutinho venceu a Oliver Wyman Iberia Case Competition 2014.

A final da competição foi disputada por nove equipas, tendo a FEP sido a única escola portuguesa a chegar a esta fase, que teve lugar em Madrid, na passada sexta-feira, 7 de novembro.

É de salientar que a Oliver Wyman Iberia Case Competition foi disputada por 164 equipas, todas elas de escolas de economia e gestão de elevada reputação internacional.

Esta competição visa identificar estudantes universitários de grande talento, dar a conhecer a empresa Oliver Wyman e oferecer aos alunos a oportunidade de experimentarem a atividade de consultoria empresarial.

Os estudantes vencedores, que fazem parte do FEP International Case Team, organismo estudantil integrado na Academia de Competências da FEP, obtiveram um prémio monetário de quatro mil euros e a entrada direta no processo de recrutamento da Oliver Wyman.

OJE

Recomendadas

Patrões vão ter majoração em 50% dos custos com aumentos salariais no IRC

No âmbito do acordo de rendimentos, o Governo decidiu propor aos parceiros sociais uma majoração em 50% dos custos com a valorização salarial em IRC. Patrões têm reclamado, note-se, medidas mais transversais.

Governo propõe reforço do IRS Jovem. Isenção sobe para 50% no primeiro ano

Jovens vão passar a ter um desconto fiscal maior, no início da sua carreira. IRS Jovem passará a prever uma isenção de 50%, em vez de 30%, no primeiro ano.

Governo quer atualizar os escalões do IRS em 5,1% em 2023

O Governo decidiu rever em alta o referencial dos aumentos salariais, puxando-o para o valor do aumento da massa salarial da Função Pública: 5,1%. Será esse o número que será usado para atualizar os escalões do IRS.