Famílias vão poder economizar 16% em combustível em 2015

A fatura dos combustíveis para as famílias portuguesas poderá sofrer uma redução na ordem dos 16% em 2015, avança a corretora Golden Broker numa análise realizada ao preço do gasóleo para o próximo ano. Segundo o estudo, uma família que gaste anualmente 3.800 euros em combustível, irá poupar um montante anual que pode rondar os […]

A fatura dos combustíveis para as famílias portuguesas poderá sofrer uma redução na ordem dos 16% em 2015, avança a corretora Golden Broker numa análise realizada ao preço do gasóleo para o próximo ano. Segundo o estudo, uma família que gaste anualmente 3.800 euros em combustível, irá poupar um montante anual que pode rondar os 600 euros, ou seja, menos 16% face a 2014.

“A análise que fizemos mostra que a expectativa para 2015 é que o preço médio diário do gasóleo em Portugal seja bem mais baixo do que a média em 2014”, explica João Carlos Pinto, analista da Golden Broker.

Dado que um dos bens que Portugal mais importa é o petróleo, esta previsão traz boas notícias para a economia portuguesa, pois indicia uma redução em valor absoluto das importações porque se compra o petróleo mais barato.

A projeção para o preço médio do gasóleo para 2015 é de 1,10 euros por litro, o que quer dizer que, apesar de Portugal comprar a mesma quantidade de petróleo, vai pagar menos ao exterior, o que ajuda a equilibrar as contas entre importações e exportações.

De acordo com a Direção Geral da Energia e da Geologia, a média aritmética do preço do gasóleo em Portugal entre 1 de janeiro e 13 de dezembro de 2014, foi de 1,3064 por litro. Neste momento, o preço atual situa-se nos 1,17 euros por litro, encontrando-se já 10,44% abaixo da média que manteve durante o resto do ano.

“A queda do preço do petróleo deverá ajudar a impulsionar o país uma vez que as famílias poderão, além de economizar, aumentar o consumo”, conclui o analista.

OJE

Recomendadas

Wall Street com mais um dia para esquecer

A perspectiva de manutenção das taxas de juro em alta pelos próximos (muitos) meses não dá tréguas aos investidores do mercado de capitais, que continuam a assistir ao afundamentos dos principais índices da praça norte-americana.

Bitcoin alcança valor mais alto em uma semana e ultrapassa os 20 mil dólares

A criptomoeda subiu 5% esta terça-feira, acompanhada pela Ethereum, que subiu 4%, num dia de subidas generalizadas entre as criptomoedas.

Bolsa de Lisboa fecha em terreno positivo com Europa no ‘vermelho’

As cotadas da família EDP foram as únicas a terminar o dia em terreno negativo, com a EDP a perder 1,28%, nos 4,55 euros, e a EDP Renováveis a cair 0,92% para os 21,43 euros.