Festejos aos Anos 50 ou com La Famiglia? A escolha está no grupo Stay Upon

Com vista para o estádio do Benfica ou para o rio Tejo, a escolha recai sobre um hotel ou um resort do grupo Stay Upon.

Há quem queira entrar em 2022 com o pé direito e há quem goste de reunir amigos (com segurança) para deixar 2021 atrás das costas.

Com o intuito de festejar a entrada num novo ano, o grupo hoteleiro Stay Upon decidiu realizar festas de fim de ano no resort Praia do Sal e no Upon Lisbon.

O hotel Upon Lisbon, virado para o estádio do Benfica, já começou os preparativos para uma festa temática dos anos 50 no rooftop. Bar, piscina aquecida e com vista privilegiada para a selva urbana que é Lisboa, os convidados do Upon Lisbon recebem ainda um presente relacionado com o tema.

O preço do menu é de 150 euros com buffet recheado de iguarias confecionadas no local. Outro menu disponível é o de 70 euros, das 23 horas às duas da manhã, tendo os convidados direito a ceia e bebidas.

Também o resort Praia do Sal, em Alcochete, quer dar um tiro a 2021, tendo escolhido a mafia italiana como tema do Réveillon. “Reúna La Famiglia e dê um tiro a 2021” é o tema do Praia do Sal, com uma passagem de ano a acontecer no restaurante Omaggio, uma homenagem à cozinha italiana. Também neste hotel do grupo Stay Upon, os convidados vão receber um kit relacionado com o tema.

Este menu único tem um custo de 120 euros e inclui as bebidas.

Todas as reservas devem ser efetuadas para o reservas@stayupon.com.

Recomendadas

Exposição no Museu da Marinha celebra a amizade entre Alberto I do Mónaco e Dom Carlos I

No âmbito das comemorações do centenário do desaparecimento do Príncipe Alberto I do Mónaco, o Museu de Marinha de Lisboa irá acolher uma exposição organizada pelo Comité Albert Ier – 2022. Estará patente ao público a partir de dia 15. A inauguração, na véspera, conta com a presença do atual Príncipe do Mónaco, Alberto II.

“Trair e Coçar é só começar” vai ter dois ensaios solidários

O público português tem a oportunidade de assistir aos últimos ensaios antes da grande estreia e apoiar, assim, duas associações de solidariedade.

PremiumPara saudar o regresso de um majestoso Jaen

Serve este texto para saudar a aposta de um produtor do Dão, a Caminhos Cruzados, integrada há cerca de dois anos no grupo da Quinta da Pacheca (no Douro), na comercialização de um monovarietal de uma das castas mais singulares que se produzem em Portugal: a Jaen (Mencia, em Espanha). Há quem diga que em relação à Jaen, ou se ama ou se detesta.
Comentários