Finlândia recusa reavaliar seis pedidos de extradição da Turquia

A Finlândia anunciou hoje ter rejeitado o pedido da Turquia de reavaliar seis pedidos de extradição, uma exigência de Ancara para permitir a adesão do país e da vizinha Suécia à NATO.

6 – Finlandia

A Finlândia anunciou hoje ter rejeitado o pedido da Turquia de reavaliar seis pedidos de extradição, uma exigência de Ancara para permitir a adesão do país e da vizinha Suécia à NATO.

O ministério recebeu no mês de agosto pedidos turcos para rever os seis casos previamente rejeitados, mas indicou que a decisão então adotada é “definitiva”, indicou a agência noticiosa AFP.

“Os casos foram analisados e a decisão é definitiva. Não é possível apelar de uma decisão do ministério da Justiça adotada na base da lei da extradição”, afirmou à AFP Sonja Varpasuo, uma conselheira do ministério.

“A reabertura de uma decisão definitiva pode ser encarada caso um novo relatório complementar afete a decisão de forma substancial”, acrescentou.

Segundo Helsínquia, não foi remetido qualquer relatório desta natureza no quadro do pedido turco.

A Turquia é o único Estado-membro da NATO que manifestou a sua oposição à adesão dos dois países nórdicos, acusando-os de acolherem pessoas com ligações ao Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) e às Unidades de Proteção Popular (YPG), o movimento curdo da Síria, e ainda suspeitos de envolvimento no fracassado golpe de Estado na Turquia em 2016.

Os três países assinaram um memorando trilateral durante a cimeira da NATO de junho em Madrid no qual a Turquia forneceu o acordo preliminar à entrada de Estocolmo e Helsínquia, em troca de uma cooperação na “luta contra o terrorismo”.

Na sequência deste acordo, a Turquia afirmou ter solicitado a extradição de 12 suspeitos da Finlândia e de 21 da Suécia. O Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, afirmou ter recebido uma “promessa” de Estocolmo relacionada com a extradição de “73 terroristas”.

Pelo facto de ser necessária a unanimidade entre os 30 atuais Estados-membros para novas adesões à organização militar, o parlamento turco terá ainda de ratificar a adesão de suecos e finlandeses.

Os três países voltaram a reunir-se em agosto para discutir as condições de Ancara e ficou prevista uma nova reunião “para o outono”.

Recomendadas

Rússia apoderou-se formalmente da central nuclear de Zaporijia

A central de Zaporijia, a maior central nuclear da Europa, está nas mãos das tropas russas desde o início de março.

Primeira-ministra dinamarquesa convoca eleições antecipadas para novembro

O Partido Social Liberal, uma das formações que dá maioria ao Governo social-democrata, tinha ameaçado Frederiksen com uma moção de censura se não convocasse eleições, após apresentar em junho um relatório crítico sobre a gestão feita pelo executivo em relação ao abate de milhões de visons, devido a uma mutação do coronavírus.

Prémio Nobel da Química para 3 cientistas responsáveis química ‘bioorthogonal’

O termo química ‘bioorthogonal’ refere-se a qualquer reação química que pode ocorrer dentro de sistemas vivos sem interferir nos processos bioquímicos nativos. O termo foi cunhado por Carolyn R. Bertozzi em 2003.
Comentários