Fitch melhora rating de longo prazo da Brisa

Melhoria do rating internacional da concessionária de autoestradas decorre da envolvente e dos resultados financeiros apresentados. Esta é a primeira empresa portuguesa com rating A.

A  Brisa Concessão Rodoviária (BCR) informa em comunicado enviado à CMVM que “a agência de rating Fitch Ratings fez um upgrade da notação de rating de longo prazo da BCR de ‘BBB+’ para ‘A-’ sendo o Outlook ‘Estável’. A notação de curto prazo foi reafirmada em ‘F2’.

Este nível de rating da BCR reflete o crescimento sustentado do tráfego e o desempenho financeiro da empresa.

As agências de rating internacionais têm vindo a aumentar os ratings das empresas nacionais, depois de constatarem que a envolvente dá garantias de desenvolvimento económico e de o Estado estar a apresentar valores macro-económicos favoráveis.

Recorde-se que no final do exercício passado, os lucros da Brisa cresceram 48,4% face ao ano anterior, atingindo os 136 milhões de euros. A empresa arrecadou mais de 550 milhões com as receitas vindas das portagens.

O tráfego contribuiu para este desempenho, crescendo 7,1% face ao período homólogo.

Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta sexta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta sexta-feira.

Juro médio dos novos depósitos de particulares dispara em outubro para máximo de cinco anos

Segundo os dados divulgados hoje pelo Banco de Portugal (BdP), “em outubro o montante de novos depósitos a prazo de particulares foi de 4.726 milhões de euros, remunerados a uma taxa de juro média de 0,24%”.

PremiumBanca antevê dificuldades em identificar todos os clientes em 45 dias

Os bancos têm 45 dias para verificar se têm clientes do crédito à habitação que qualifiquem para efeitos da aplicação do diploma do Governo, mas o apuramento dos rendimentos reais é um obstáculo.
Comentários