Formação de Executivos: uma necessidade num mundo em mudança

A necessidade de conhecimentos mais variados sentidos pelas organizações leva cada vez mais executivos a aumentar os seus conhecimentos através de formação académica. A Formação de Executivos será o tema da JE editors Talks do próximo dia 21 de maio.

 🔔 Clique para ser notificado quando a transmissão começar

O mundo em constante transformação torna necessário que os profissionais e as empresas se adaptem rapidamente aos desafios e contextos inesperados. Nesse sentido, cada vez mais são procuradas as formações de executivos, que procuram formar, preparar e incutir os líderes e decision makers com as ferramentas exigidas pelas organizações.

A necessidade das organizações de contar com equipas executivas com conhecimentos cada vez mais diversos tem levado a que muitas pessoas vejam na formação para executivos uma ferramenta importante para crescer pessoal e profissionalmente.

O que distingue as várias ofertas de formação? Como se adaptaram as universidade às novas circunstâncias? Quais as tendências do mercado a que é necessário estar atento? Estas são algumas das questões a que vamos responder na próxima JE editors Talks: Formação de Executivos, que conta com a participação do ISEG Executive Education, da Universidade Portucalense, da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, do The Lisbon MBA, da Católica Porto Business School, do ISCTE Executive Education e da Católica Lisbon School of Business & Economics

Pode assistir em direto já no próximo dia 21 de maio (sexta-feira), às 15h00, na JE TV, no Facebook e no YouTube do Jornal Económico.

 

 

Este conteúdo patrocinado foi produzido em colaboração com o ISEG Executive Education, Universidade Portucalense, Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, The Lisbon MBA, Católica Porto Business School, ISCTE Executive Education e a Católica Lisbon School of Business & Economics.

Recomendadas

CO2 alimenta a inflação

O aumento dos preços tornou-se um problema em todo o mundo. Apesar do aumento do preço das matérias-primas, como o petróleo, terem contribuído significativamente para a subida generalizada dos preços, neste momento podemos encontrar outras categorias que também estão a ser responsáveis pelo aumento dos níveis de inflação em quase todo o lado.

O cliente no centro das operações

Um cultura empresarial centrada no cliente e a procura constante de soluções para satisfazer as suas necessidades são duas das razões do sucesso da Cofidis.

Pilar 1 e Pilar 2: “Como e quando serão implementados é a grande questão”

Paulo Mendonça, Partner da EY, Tax Services, faz um ponto de situação do Pilar 1 e Pilar 2 e explica a necessidade e o contexto de reforma na tributação dos negócios digitais. “A UE está especialmente atenta aos abusos de posição dominante”, diz. Ouça o novo episódio do Talk the Tax aqui.
Comentários