Funchal abre vagas para formação de canalizadores

As inscrições para o Programa Municipal de Formação em Contexto de Trabalho para Assistentes Operacionais podem ser feitas na Loja do Munícipe.

São oito vagas, no âmbito do Programa Municipal de Formação em Contexto de Trabalho para Assistentes Operacionais, cujo objetivo é prestar serviço na Divisão de Distribuição de Água da Câmara Municipal do Funchal, nomeadamente na manutenção e conservação das infraestruturas de distribuição de água.

Os candidatos não precisam de ter experiência relevante na área, uma vez que se trata de um programa de formação, embora seja exigido a escolaridade obrigatória.

Basicamente, durante 18 meses, os assistentes operacionais vão auxiliar as equipas das Águas do Funchal a reparar os derrames e a efetuar a manutenção das infraestruturas existentes.

Esta componente formativa garante aos candidatos uma oportunidade de crescimento profissional em contexto real de trabalho, com a execução de tarefas operacionais relacionadas com a atividade de canalizador, garantindo que a Divisão de Distribuição de Água da CMF melhore a capacidade de resposta operacional, com efeitos imediatos no tempo de resposta às ocorrências diárias.

As inscrições para o Programa Municipal de Formação em Contexto de Trabalho para Assistentes Operacionais podem ser feitas na Loja do Munícipe.

Recomendadas

Funchal: Coligação Confiança vê proposta sobre ruído chumbada pelo PSD

A proposta previa auscultação prévia a um leque abrangente de entidades que incluem não só as forças de segurança, a ARAE, a ACIF e os sindicatos representativos do sector das actividades económicas, mas também a Provedoria da Justiça, os munícipes que tenham apresentado reclamação sobre ruído nos últimos cinco anos e demais interessados.

Câmara do Funchal aprova benefícios fiscais para novo projeto de reabilitação urbana

Pedro Calado destacou a aposta que a autarquia está a fazer na recuperação de imóveis degradados com a atribuição de benefícios fiscais, quase todas as semanas.

Valor da comercialização de Vinho da Madeira cresceu 8,4% apesar da quantidade ter recuado 2,7%

A comercialização no mercado nacional atingiu os 583,4 mil litros e rendeu um valor aproximado a 5,3 milhões de euros, dos quais 463,9 mil litros e 4,1 milhões de euros são das vendas efetuadas na Região Autónoma da Madeira.
Comentários