Funchal aprova 5 milhões de euros para integração em consórcio internacional para produção de videojogos e tecnologia

O consórcio que ficará sediado no Centro Cultural e de Investigação do Funchal (antigo Matadouro), junta 20 membros regionais e nacionais e um conjunto de parceiros internacionais.

A Câmara Municipal do Funchal (CMF) aprovou esta quinta-feira a integração do município ao consórcio ‘eGamesLabs’ num projeto em que vai ser beneficiada em quase cinco milhões de euros até 2025, financiado pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

A adesão a este consórcio das industrias criativas, levou também à aprovação da terceira revisão ao orçamento da CMF, a submeter à Assembleia Municipal em setembro, que inclui a contabilização do projeto ‘eGamesLabs’, no valor de um milhão de euros para 2022, numa comparticipação financeira a 100% do PRR.

O consórcio que ficará sediado no Centro Cultural e de Investigação do Funchal (antigo Matadouro), junta 20 membros regionais e nacionais e um conjunto de parceiros internacionais.

O presidente da CMF, Pedro Calado, explica que esta entidade vai produzir videojogos e desenvolver trabalhos a nível de ciência, tecnologia e de informática. Ou seja, será criada uma zona específica (4 Salas) para o desenvolvimento de alta tecnologia que hoje é exportada para todo o mundo.

Pedro Calado sublinha, que este projeto “vai permitir aos jovens na área das tecnologias que saem da Universidade da Madeira poder trabalhar com empresas de renome internacional”.

No final da reunião semanal pública, o Presidente da Câmara, anunciou aprovação, com os votos contra da coligação ‘ Confiança’, a adjudicação das obras da segunda fase da Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR).

Houve nove empresas concorrentes, tendo ganho uma delas pelo preço mais baixo, no montante de 16,7 milhões, com um prazo de execução de 540 dias.

Aprovada foi também a prestação de “Serviços de Gestão dos Equipamentos Elevatórios e do Sistema de Tratamento e Destino Final de Águas Residuais” do concelho do Funchal, por um período de 24 meses, no valor de 1,4 milhões de euros.

A autarquia aprovou ainda, com os votos contra da coligação ‘Confiança’ a criação de um Corredor de Mobilidade Partilhado, na Estrada Monumental Troço entre a Travessa do Valente e o Ribeiro Seco) destinado ao transporte público regular de passageiros, táxis, veículos que transitem em missão de prestação de socorro ou de serviço urgente de interesse público, veículos de polícia, veículos elétricos e velocípedes com e sem motor. A sinalética será colocada em breve.

Outra deliberação, foi a atribuição de Medalhas de Assiduidade e Bons Serviços a 60 trabalhadores municipais que tenham completado os seguintes módulos de tempo de serviço no ano anterior:  Ouro – 35 anos, Prata – 25 anos e  Cobre- 15 anos. As medalhas serão atribuídas por ocasião das comemorações do dia da cidade, 21 de agosto.

Recomendadas

Madeira: Santo António abre candidaturas para apoio à aquisição de material escolar

Os alunos com o primeiro escalão da ASE receberão 25 euros, os alunos com o segundo escalão  terão direito a 30 euros, com o terceiro escalão receberão 35 euros e aos beneficiários do quarto e quinto escalão será atribuído um o montante de 40 euros.

Empréstimos às famílias da Madeira diminuem em 62,1 milhões de euros

No segundo trimestre de 2022, 72,7% dos empréstimos foram destinados ao segmento da habitação, e os restantes 27,3% a consumo e outros fins.

Rácio de crédito vencido e empréstimos a sociedades não financeiras aumentam na Madeira

No segundo trimestre de 2022, o saldo do volume de empréstimos concedidos a sociedades não financeiras (SNF) era de dois mil milhões de euros, mais 43,6 milhões de euros que no final de junho de 2021. No entanto, comparando ao trimestre anterior, este é inferior em 33,8 milhões.
Comentários