Funchal recebe cruzeiro mais moderno do mundo

O último grito da tecnologia de cruzeiros a nível mundial foi apresentado em Trieste, há uma semana. O navio atraca este domingo na capital madeirense.

MSC Seaside. É o novo navio de cruzeiros, o mais recente, o mais tecnológico, o de maior capacidade de passageiros em todo o Mundo, acabadinho de estrear no passado dia 1 de dezembro, em Trieste, Itália. Estará no porto do Funchal este domingo, 10 de dezembro. A capital madeirense será nas próximas estações o único porto nacional a receber este navio, uma vez que a MSC já garantiu que as próximas três temporadas do MSC Seaside irão decorrer no Mar das Caraíbas.

O MSC Seaside vai estar nas Caraíbas nas primeiras três temporadas: Inverno de 2017/2018, entre dezembro e finais de março; o verão de 2018 (entre março e outubro) e o inverno de 2018/2019 (entre finais de novembro e março de 2019).

O MSC Seaside, seu irmão gémeo, que está a ser construído, com inauguração prevista para 2 de Junho de 2018, irá cruzar os mares do Mediterrâneo Ocidental, pelo que, neste caso, haverá mais hipóteses de atracar em Lisboa ou em qualquer um dos portos nacionais habilitados a receber este tipo de navios.

Maior navio de interporting vem a Lisboa

Em relação aos portos portugueses, a MSC vai trazer ao porto de Lisboa o maior navio de cruzeiros que o porto da capital já teve a fazer embarques e desembarques regulares (interporting) já no próximo ano. Trata-se do MSC Preziosa, que tem capacidade para 4.500 passageiros. Pela primeira vez, a MSC também vai disponibilizar no mercado nacional o acesso dos passageiros portugueses ao ‘Yacht Club’, que a empresa classifica como um serviço de 6 estrelas, com mordomo privativo, um serviço de exclusividade.

Estão previstos quatro a cinco cruzeiros a passar por Lisboa entre setembro, outubro e novembro do próximo ano. A rota do MSC Preziosa, além de Lisboa, passará por Casablanca, Málaga, Barcelona, Marselha, Génova e também por Gibraltar, neste caso só num desses cruzeiros.

Nos últimos dias de novembro, o programa de investimento da MSC em novos navios de cruzeiro estava fixado em nove mil milhões de euros. De uma forma que quase passava despercebida, a 29 do mês passado, na véspera da cerimónia de apresentação da nova coqueluche da empresa, o MSC Seaside, em Trieste, a empresa confirmou o direito de opção para a construção de mais um navio e encomendou um outro. Desta forma, o valor de investimento total subiu num ápice para os 10,5 mil milhões de euros.

Em relação ao MSC Seaside, que está a fazer a sua viagem inaugural entre Trieste e Miami, a MSC abriu para os clientes nacionais (e não só) três segmentos do referido cruzeiro: Trieste/Funchal, nove noites, com a partida ocorrida a 1 de dezembro; o Barcelona/Funchal, quatro noites, com partida ocorrida a 4 de dezembro; e o Funchal/Miami, onze noites, com partida da capital madeirense prevista para 10 de dezembro.

“Neste momento, já temos cerca de uma centena de clientes portugueses”, assegura Eduardo Cabrita.

A cerimónia de nomeação deste navio ocorrerá em Miami a 23 de dezembro, com a presença garantida de Sophia Loren, a madrinha oficial dos navios de cruzeiro da MSC.

Recomendadas

Médicos internos preenchem totalidade das 39 vagas disponibilizadas à Madeira

Este processo, que decorre em simultâneo a nível nacional, é acompanhado na Região Autónoma da Madeira pelo Instituto de Administração da Saúde (IASAÚDE), entidade responsável pelo Internato Médico na Região.

Funchal: Prorrogado prazo de reabilitação da ETAR

Foi aprovada a participação da Câmara num instituto sem fins lucrativos, o Instituto para o Desenvolvimento e Inovação Tecnológica (IDEA).

Madeira aprova 74 contratos-programa de desenvolvimento desportivo no valor de quatro milhões de euros

Foi autorizada ainda a celebração de um acordo de cooperação entre o Instituto de Segurança Social da Madeira e a Associação Santana Cidade Solidária, de 21,4 mil euros, relativo ao financiamento das respostas sociais loja social e atendimento e acompanhamento social.
Comentários