Future PWIT quer inspirar jovens a seguir uma carreira nas tecnologias

Iniciativa lançada esta terça-feira, 23 de novembro, pela comunidade Portuguese Women in Tech, em parceria com a E-REDES, quer ajudar a aumentar o número de alunas a estudar tecnologias e contribuir para o maior equilíbrio de géneros no sector.

A comunidade Portuguese Women in Tech (PWIT), em parceria com a E-REDES, lança esta terça-feira, 23 de novembro, no Museu da Eletricidade, em Lisboa, a iniciativa Future PWIT, um programa  de conteúdos a distribuir pelas escolas portuguesas, com o propósito de inspirar milhares de jovens a seguir uma carreira tecnológica.

A ação pretende alcançar milhares de alunas e alunos, dos 10 aos 18 anos, em cerca de 800 agrupamentos escolares, do segundo e terceiro ciclos e do ensino secundário.

A divulgação e ativação dos conteúdos relacionados com a Future PWIT nas escolas será complementada pela divulgação em plataformas online. Para além de atrair jovens mulheres (mas também homens) para a área da tecnologia, a iniciativa visa capacitar adultos responsáveis e promover a discussão no geral. Alcançar, em 10 anos, um maior equilíbrio de género no setor tecnológico é um dos grandes objetivos propostos.

“Com a Future PWIT, pretendemos inspirar jovens por todo o país com ferramentas diversas e
histórias de quem escolheu a tecnologia como carreira”, afirma a Inês Santos Silva, cofundadora da comunidade Portuguese Women in Tech.

Segundo dados do Eurostat, em Portugal, apenas 14,4% dos profissionais na área de Tecnologias
de Informação é mulher, número que está abaixo da média europeia. Também de acordo com o
Global Gender Gap Report 2020, do Fórum Económico Mundial, o fosso económico entre homens
e mulheres tem aumentado, sendo uma das causas o número reduzido de mulheres que ocupa
posições em tecnologia, área que tem assistido a um crescimento substancial.

A comunidade Women in Tech foi criada em 2016 e tem vindo a promover iniciativas com vista a atrair mais mulheres para a área tecnológica, assim como apoiar as profissionais que nela trabalham.

O lançamento de Future PWIT começa às 15h e conta com a presença de José Ferrari Careto, CEO da E-REDES, Ana Carina Morais, subdiretora da E-REDES, Inês Santos Silva e Liliana Castro, fundadoras da Portuguese Women In Tech, Paula Panarra, diretora-geral da Microsoft Portugal, Sónia Pinto, professora do Instituto Superior Técnico, e Rosa Monteiro, secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade.

Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta sexta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta sexta-feira.

PremiumApoio à formação vai cobrir parte dos custos salariais

Em resposta à inflação, o Governo anunciou, entre outras medidas, um apoio para a formação dos trabalhadores nas horas vazias. Custos salariais serão parcialmente cobertos, aliviando os encargos das empresas, revela João Neves.

FNE contra a contratação direta pelas escolas pela possibilidade de “amiguismos”

“Não concordamos, claramente”, começou por dizer o vice-secretário-geral da FNE, em declarações aos jornalistas no final da primeira reunião com o Ministério da Educação sobre a revisão do modelo de recrutamento e contratação de professores.
Comentários