Galp e BCP empurram PSI-20 para o ‘vermelho’. Europa segue tendência

Entre as principais praças europeias, o francês CAC 40 desceu 0,70%, o espanhol IBEX 35 desvalorizou 0,44%, o alemão DAX caiu 0,02% e o britânico FTSE 100 também encerrou a sessão no vermelho, a perder 0,83%.

A bolsa de Lisboa encerrou a sessão desta segunda-feira em terreno negativo, penalizada pelas perdas da Galp e BCP, mantendo a tendência de abertura e em sintonia com as suas congéneres europeias. O principal índice bolsista português (PSI 20) caiu 0,06%, para 5.488,31 pontos.

Na praça portuguesa, destaque para a Galp, que liderou as perdas com as ações a desvalorizarem 2,24% para os 8,21 euros, seguida do Banco Comercial Português (BCP) que encerra a sessão a cair 1,78% para os 0,1383 euros, a EDP que perdeu 0,50% para os 4,75 euros, a Altri que recuou 0,67%% para os 5,22 euros e a Mota-Engil a descer 1,52% para os 1,228 euros.

“Bolsas europeias inverteram o sentimento e encerraram em território negativo, à medida que os investidores se preparam para uma onda de decisões dos Bancos Centrais (FED, Boe, BCE e BoJ) e os potenciais impactos de uma política monetária menos expansionista, numa altura em que as principais regiões lutam contra uma elevada inflação”, comenta o analista de mercados da Millennium investment banking, Ramiro Loureiro.

Entre as principais praças europeias, o francês CAC 40 desceu 0,70%, o espanhol IBEX 35 desvalorizou 0,44%, o alemão DAX caiu 0,02% e o britânico FTSE 100 também encerrou a sessão no vermelho, a perder 0,83%.

O preço do petróleo está em queda nos dois lados do atlântico. Em Nova Iorque, o WTI diminui 0,68% para os 71,18 dólares por barril, enquanto o Brent desvaloriza 0,59% para os 74,71 dólares em Londres.

No mercado cambial, o euro deprecia 0,12% face ao dólar norte-americano nos 1,1297 dólares.

Recomendadas

PremiumReserva Federal penaliza mercados

A postura mais ‘hawkish’ do que o esperado do banco central norte-americano empurra os mercados para perto de mínimos do ano.

Wall Street encerra semana com principais índices a perder mais de 1,50%

O Dow Jones encerrou o dia a ceder 1,62% para 29.590,41 pontos, o S&P500 a perder 1,67% para 3.695,10 pontos e o tecnológico Nasdaq a recuar 1,80% para 10.867,93 pontos.

Euro e libra recuam para mínimos de décadas face ao dólar

O euro e a libra terminaram hoje a semana a recuar para mínimos de décadas face ao dólar, com as moedas europeias pressionadas por receios de recessão e o dólar a beneficiar do estatuto de ativo seguro.
Comentários