Gastos com tarefeiros no SNS aumentaram mais de 50% em seis anos

A maioria das horas pagas a médicos tarefeiros são para assegurar escalas das urgências. Alentejo é a região com maior peso destes médicos no total dos gastos com pessoal.

Os gastos do SNS com médicos tarefeiros, contratados à hora, aumentaram mais de 50% desde 2015, avança o JN. A despesa com estes médicos tem crescido todos os anos desde aí e atingiu o ano passado o valor mais elevado de que há registo, sendo que, nalguns hospitais, já representa mais de 10% dos gastos com pessoal.

Continue a ler a notícia AQUI.

Recomendadas
médicos

Quase um em cada três utentes esperam por médico de família há mais de dois anos

Dados de maio do Ministério da Saúde revelaram que os 1,3 milhões de utentes não tinham médico de família, sendo que em setembro de 2019 o número era de 614 mil.

Covid-19. Relatório de monitorização indica incidência e mortalidade com tendência decrescente

Relativamente aos internados em cuidados intensivos no continente também revelaram uma tendência decrescente.

Portugal registou 95.943 mil casos e 239 mortes de Covid-19 na última semana

A Direção-Geral da Saúde contabilizou menos 17.185 infeções e menos 22 óbitos nos últimos sete dias, em relação à semana anterior.
Comentários