Governo apresenta Plano Nacional de Gestão Integrada dos Fogos Rurais

O plano tem um investimento previsto de 554 milhões de euros anuais e um dos objectivos passa pela redução para metade a área ardida nos fogos rurais até 2030.

O Governo apresentou, a 5 de Dezembro, o Plano Nacional de Gestão Integrada dos Fogos Rurais numa cerimónia que contou com a presença do ministro do Ambiente e da Acção Climática, João Pedro Matos Fernandes, o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, e a ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque.

O ministro do Ambiente e da Acção Climática afirmou que uma das propostas passa por agir em 20% da área rural do País, sendo que grande parte da transformação pode ser feita nos territórios que sofreram grandes incêndios.

Pode continuar a ler o artigo aqui.

Recomendadas

Oceanos. Presidente da República destaca papel pioneiro de Portugal nas renováveis

“No caso de Portugal, fomos pioneiros em muitos campos, como as renováveis. Quando começámos a substituir outras formas de energia alguns disseram éramos tolos, não éramos, agora queremos antecipar as metas internacionais”.

DGRM vai promover venda de 743 quilos de alabote congelado que foi apreendido

Para participar da venda, cujo valor mínimo é de 2.125 euros, pressupõe-se a prévia aceitação das condições estipuladas e envio de proposta até ao dia 13 de maio de 2022.

Marcelo elogia Cavaco e aponta Conferência dos Oceanos como “oportunidade única”

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, elogiou esta segunda-feira o seu antecessor, Aníbal Cavaco Silva, considerando que deu “projeção cimeira ao mar”, e apontou a Conferência dos Oceanos como uma “oportunidade única” para Portugal.
Comentários