Governo decreta três dias de luto nacional pela morte de Isabel II

“Neste momento de prolongado e profundo luto no nosso mais antigo Aliado, entende o Governo declarar o luto nacional nos dias 18, 19 e 20 de setembro de 2022”, é indicado num comunicado da Presidência do Conselho de Ministros emitido esta tarde.

O Governo decretou três dias de luto nacional pela morte de Isabel II, anunciou esta tarde a secretaria-geral da Presidência do Conselho de Ministros.

“Foi aprovado o decreto que declara o luto nacional por três dias como justa homenagem a sua Majestade a Rainha Isabel II, falecida a 8 de setembro de 2022.  Sua Majestade a Rainha Isabel II do Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte marcou profundamente a segunda metade do século XX e o primeiro quartel do século XXI”, é possível ler no comunicado do Conselho de Ministros de 15 de setembro de 2022.

De acordo com informação presente na mesma nota, o período de luto irá vigorar entre o próximo domingo e terça-feira.

“Assim, neste momento de prolongado e profundo luto no nosso mais antigo Aliado, entende o Governo declarar o luto nacional nos dias 18, 19 e 20 de setembro de 2022”, é ainda referido na página oficial da Presidência do Conselho de Ministros.

Recomendadas

Rainha Isabel II morreu de “velhice”, aponta atestado de óbito

O certificado também identifica o local da morte da rainha como “Castelo Balmoral”, a sua “residência habitual”

Conheça algumas das citações mais emblemáticas de Isabel II

“Declaro diante de todos vós que toda a minha vida, seja longa ou curta, será dedicada ao vosso serviço e ao serviço da nossa grande família imperial à qual todos pertencemos”, é uma das frases mais marcantes da rainha, que foi proferida no seu 21.º aniversário.

🔴 Em direto. Acompanhe o último adeus a Isabel II

Decorrem as cerimónias fúnebras da monarca britânica, após dez dias de luto. Centenas de líderes mundiais marcam presença no funeral de Isabel II, que morreu no dia 9 de setembro, aos 96 anos. Acompanhe em direto.
Comentários