Greve dos enfermeiros: Doentes com cancro suspendem tratamentos e ficam sem cirurgias

A segunda “greve cirúrgica” dos enfermeiros vai prolongar-se até 28 de fevereiro e é hoje alargada a mais três centros hospitalares: Coimbra, Lisboa Norte e Setúbal.

Miguel A. Lopes / Lusa

A greve dos enfermeiros está a provocar a suspensão de tratamentos para doentes com cancro e o cancelamento de cirurgias em todo o país. Esta situação é revelada esta sexta-feira pelo Jornal de Notícias, que avança para várias situações em que a greve de enfermeiros não cumpre os serviços mínimos.

No Centro Hospitalar Universitário do Porto, o diretor clínico José Barros denunciou este semana que apenas cinco dos 26 doentes “prioritários” foram operados. Destes 26, quatro eram doentes oncológicos.

Já no Centro Hospitalar Tondela Viseu, na terça e quarta-feira não foram operados vários doentes, apesar de estarem abrangidos pelo regime de serviços mínimos.

No Centro Hospitalar de Entre Douro e Vouga, ficaram 38 cirurgias por fazer esta semana, que cumpriam os critérios para “serviços mínimos”.

O presidente da Secção Regional Norte da Ordem dos Médicos António Araújo denunciou também que doentes oncológicos nos hospitais do São João, Santo António e Gaia não estavam a ser operados.

A segunda greve dos enfermeiros às cirurgias hospitalares deverá prolongar-se até 28 de fevereiro e é hoje alargada a mais três centros hospitalares: Coimbra, Lisboa Norte e Setúbal.

Relacionadas

Enfermeiros: Marcelo aponta problemas legais ao “crowdfunding” e não contesta requisição civil

O presidente da República apontou esta quinta-feira problemas legais ao ‘crowdfunding’ que está a financiar as greves dos enfermeiros e não contestou a decisão do Governo de recorrer à requisição civil justificada com o incumprimento dos serviços mínimos.

Sabe quantas requisições civis foram decretadas desde 1974?

Cronologia das 30 requisições civis decretadas a trabalhadores em greve desde 1974 até hoje, data em que foi anunciada pelo Governo a requisição civil dos enfermeiros:

Requisição civil de enfermeiros vai ter efeito em quatro centros hospitalares do país

“Sem prejuízo do reconhecimento do direito à greve, existem situações de incumprimento dos serviços minímos em vários hospitais. O Governo não teve alternativa”, garantiu a ministra.

Enfermeiros: Movimento pede que não sejam feitas cirurgias adicionais de combate às listas de espera

Numa mensagem publicada na rede social Facebook, o movimento de enfermeiros reagiu à requisição civil decretada pelo Governo pedindo aos enfermeiros que “deixem de ser os bonzinhos do SNS”.

Enfermeiros: requisição só deve funcionar onde serviços mínimos não são cumpridos, defendem administradores

Os administradores hospitalares entende que a requisição civil é um último recurso sempre a evitar, mas que fará sentido nos hospitais em que o cumprimento dos serviços mínimos não se verifica.

Enfermeiros alertam para risco de formas de luta “mais incontroláveis”

“Não acredito que os enfermeiros, depois de verem como os governantes os desrespeitam, vão ficar serenos com esta decisão”, declarou Lúcia Leite à agência Lusa, indicando que o sindicato ainda vai analisar o alcance da requisição civil “antes de tomar decisões”.

Respostas Rápidas. Por que o Governo aprovou requisição civil para os enfermeiros?

O Executivo aprovou esta quinta-feira, em conselho de ministros, uma resolução que reconhece necessidade requisição civil para os enfermeiros. A ministra da Saúde, Marta Temido, disse não ter tido “alternativa”.

“Governo não teve alternativa”. Aprovada requisição civil de enfermeiros

O Executivo avançou esta quinta-feira com a requisição civil de enfermeiros esclareceu a ministra da Saúde, Marta Temido. O Governo garante que não estão a ser cumpridos os serviços minímos em vários hospitais.
Recomendadas

Governo espera reagendar cirurgias adiadas na próxima semana

A ministra da Saúde, Marta Temido, afirmou hoje que no início da próxima semana espera ter um novo planeamento para dar resposta às cirurgias adiadas no primeiro e segundo período de greve dos enfermeiros.

Greve dos enfermeiros: PGR assume como “gralha” alteração de data de parecer

A Procuradoria-Geral da República (PGR) assumiu hoje como “uma gralha” a alteração da data de publicação em Diário da República do primeiro parecer sobre a “greve cirúrgica” dos enfermeiros, atrasando em 81 dias aquela data.

Enfermeiros: SINDEPOR recebido pela Casa Civil do Presidente da República

A Casa Civil do Presidente da República recebeu hoje a direção do Sindicato Democrático dos Enfermeiros (SINDEPOR).
Comentários