Greve na TAP: clientes vão poder remarcar voos sem custos

A TAP informou, este sábado que, face ao pré-aviso de greve do pessoal de cabine, dias 8 e 9 de dezembro, os clientes poderão remarcar as datas dos seus voos, entre os dias 28 de novembro e 19 de dezembro, sem custos.

A TAP informou hoje, em comunicado, que, face ao pré-aviso de greve do pessoal de cabine, dias 8 e 9 de dezembro, os clientes poderão remarcar as datas dos seus voos, entre os dias 28 de novembro e 19 de dezembro, sem custos.

A TAP, que continua em negociações com o Sindicato dos Tripulantes de Cabine, diz que ainda tem esperança no diálogo e espera que seja encontrado um entendimento que evite a greve.

Ainda assim, a companhia informa que os clientes com voos marcados para esse período podem alterar as datas sem qualquer penalização, desde que o façam entre dia 28 deste mês e 19 de dezembro.

Se tem viagem marcada para os dias 8 e 9 de dezembro, prepare-se. Os tripulantes de cabine da TAP, associados do Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC), propuseram e votaram um pré-aviso de greve, aprovado por maioria.

Até dia 6 de dezembro, data para a qual está agendada nova Assembleia Geral, o sindicato vai tentar chegar a um acordo com a companhia aérea.

Os tripulantes exigem a reposição dos salários e das regalias que perderam com a reestruturação da empresa.

Ricardo Penarroias, Presidente do SNPVAC, justificou a decisão de avançara para a greve.

Recomendadas

PremiumRede 5G, um ano e quatro mil antenas depois

Portugal arrancou com a tecnologia de quinta geração a 26 de novembro. NOS, a primeira a lançar, revela que conta com 3.200 estações instaladas.

PremiumOaktree, Cerberus e Vanguard na corrida à VIC Properties

A Alantra vai receber esta sexta-feira as propostas não vinculativas para a compra dos ativos da VIC Properties. A Vanguard deverá avançar para o Pinheirinho. Oaktree e Cerberus entre os interessados.

Marcas vs Catar: o difícil equilibrismo das maiores marcas do mundo. Veja o “Jogo Económico”

Do equilibrismo de quem patrocina a prova à anti-campanha de quem está de fora, estes dias estão entregues a uma espécie de Mundial de marcas com desfecho imprevisível. Daniel Sá, especialista em marketing desportivo e diretor-executivo do IPAM e Henrique Tomé, analista da corretora XTB, são os convidados desta edição.
Comentários