Guterres apela a “compromisso” para recuperação global em 2022

om a pandemia de covid-19 entre os grandes desafios mundiais, Antonio Guterres considerou, numa mensagem de vídeo alusiva ao novo ano, que a recuperação depende da vacinação completa de todas as pessoas e do fim da desigualdade no acesso a vacinas.

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, pediu hoje um compromisso internacional para fazer de 2022 um ano de recuperação nas áreas da saúde, economia, conflitos e clima.

Com a pandemia de covid-19 entre os grandes desafios mundiais, Antonio Guterres considerou, numa mensagem de vídeo alusiva ao novo ano, que a recuperação depende da vacinação completa de todas as pessoas e do fim da desigualdade no acesso a vacinas.

A nível económico, sendo óbvio o “agravamento da pobreza e das desigualdades”, o secretário-geral da ONU propõe também uma recuperação através do apoio dos países mais ricos ao mundo em desenvolvimento “com financiamento, investimento e alívio da dívida”.

Os “persistentes conflitos, divisões e desinformação” podem ser ultrapassados “com um renovado espírito de diálogo, compromisso e reconciliação” e “com uma nova ênfase na ciência, nos factos e na razão”, disse o antigo primeiro-ministro português.

Guterres referiu também a “insuficiência dos compromissos climáticos” como um dos grandes desafios da atualidade, defendendo uma “recuperação para o nosso planeta”, com mais ação climática no próximo ano.

“O mundo dá as boas-vindas a 2022 com a nossa esperança no futuro a ser posta à prova”, sublinhou o também antigo Alto Comissário da ONU para Refugiados, antes de declarar que a recuperação deve ser o propósito para um novo ano “feliz e em paz”.

Recomendadas

SIC: Alargamento da dedução dos juros da habitação em sede de IRS poderá abranger mais de 660 mil famílias

Segundo a SIC Notícias, se a medida for incluída no Orçamento do próximo ano, como se espera, poderá abranger mais de 660 mil famílias. 

OE2023: PAN critica “rumo de desvalorização salarial” da função pública

A porta-voz do PAN criticou hoje a proposta de aumentos salariais para a função pública, apontando um “rumo de desvalorização salarial” e alertando que os funcionários públicos “viverão com menos recursos” no próximo ano.

OE2023: Iniciativa Liberal vai insistir no desagravamento de vários impostos

O líder da Iniciativa Liberal (IL) disse hoje, em Coimbra, que o partido vai apresentar cerca de uma dúzia de propostas de alteração ao Orçamento de Estado para 2023, que visam o desagravamento de vários impostos.
Comentários