Hoje às 17h: JE editors Talks “Formação de Executivos”

Assista esta tarde em direto, a partir das 17h, a uma conversa sobre o panorama atual e futuro da formação de executivos no nosso país e da sua importância para a competitividade nacional.

Cada vez mais empresas e organizações apostam na formação dos seus líderes e gestores. Numa altura em que o contexto pandémico nos obriga a repensar modelos e formatos, as instituições apostam no blended learning para evitar perder procura pelos seus programas.

Poderá esta tarde assistir a uma JE editors Talk sobre o panorama atual desta área específico do ensino e perceber que importância tem para a competitividade do nosso tecido empresarial.

A mesma serve de complemento ao caderno Especial que acompanha a edição de 15 de maio d’O Jornal Económico e conta com a participação da Universidade Portucalense, do ISEG Executive Education, da Católica Porto Business School, da Católica Global School of Law, da Coimbra Business School e do ISCTE Executive Education.

Assista em direto, neste mesmo artigo, ou no Facebook d’O Jornal Económico, a partir das 17h.

 

 

Este conteúdo patrocinado foi produzido em colaboração com a Universidade Portucalense, o ISEG Executive Education, a Católica Porto Business School, a Católica Global School of Law, a Coimbra Business School e o ISCTE Executive Education.

Recomendadas

TAP diz que renovação da frota automóvel permite poupar anualmente 630 mil euros

A TAP diz que a opção de comprar 50 BMWs representa uma poupança superior a 20% do valor mensal da renda e tributação, relativamente a novos contratos de renting e está em linha com o plano de reestruturação.

Sindicato diz que renovação da frota automóvel da TAP é ética e moralmente condenável

Num comunicado aos associados que a Lusa teve acesso, o Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) assinala que “foi com enorme estupefação e uma boa dose de vergonha alheia que os sindicatos, os trabalhadores do grupo TAP e os contribuintes portugueses foram confrontados com uma notícia que pode até ter uma rebuscada justificação económica, mas que é ética e moralmente condenável”.

Investimentos em eólicas e solar foram 15 vezes superiores ao nuclear – relatório

Cerca de 350 mil milhões de dólares foram investidos em todo o mundo em projetos de energia solar ou eólica, contra os 24 mil milhões dedicados a projetos de energia nuclear, indica o World Nuclear Industry Status Report.
Comentários