Incêndios. Previsões apontam para “quadro normal de verão” que dispensam alerta

O Governo decidiu esta terça-feira que não é necessário voltar a ativar a situação de alerta para responder aos incêndios florestais, uma vez que as previsões meteorológicas apontam para um “quadro normal de verão”.

“Tudo aponta para que estejamos, já a partir de hoje e com especial incidência para os próximos dias, num quadro normal de verão”, transmitiu a secretária de Estado da Proteção Civil, em conferência de imprensa.

Patrícia Gaspar falava aos jornalistas na sede da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), em Carnaxide, Oeiras, após uma reunião, por videoconferência, com membros de várias áreas governativas para avaliar as condições meteorológicas e o risco de incêndio.

De acordo com as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), transmitidas pela secretária de Estado, os próximos dias serão de algum calor e vento, sobretudo no litoral, mas dentro daquilo que é habitual durante o verão.

Por isso, o Governo considerou que a situação, não sendo de exceção, também não justifica a ativação da situação de alerta e que “o cenário se enquadra perfeitamente na capacidade normal de resposta de antecipação e previsão do dispositivo especial de combate a incêndios rurais” coordenado pela ANEPC.

A situação foi hoje reavaliada depois de, no sábado, o Governo ter decidido igualmente que não era “necessário voltar a ativar a situação de alerta”, tendo em conta as previsões meteorológicas àquela data.

Patrícia Gaspar afirmou ainda que a ANEPC vai continuar a acompanhar diariamente a situação e só perante uma alteração do cenário atual é que o executivo volta a avaliar a necessidade de reativar a situação de alerta ou de contingência.

Recomendadas

Norte da Europa vive à custa da agricultura intensiva portuguesa

No norte da Europa consomem-se produtos hortofrutícolas à custa da agricultura intensiva praticada em Portugal, com recurso à exaustão de água e dos solos, em aparente contradição com o discurso de adaptação às alterações climáticas.

Metro Lisboa. Obras condicionam trânsito na Avenida Padre Cruz

O trânsito na Avenida Padre Cruz, em Lisboa, vai estar condicionado a partir de segunda-feira e durante dois meses devido às obras que decorrem para a expansão das linhas Amarela e Verde do Metropolitano, divulgou hoje a empresa.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta quinta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta quinta-feira.
Comentários