PremiumIncus Capital em negociações para gerir imobiliário do Grupo CTT

Os CTT apresentaram o seu plano estratégico até 2025 e estão em “negociações exclusivas” com a empresa espanhola para criar um veículo de gestão imobiliária de retalho e logística. Também procuram uma parceria minoritária no banco.

CTT | Cristina Bernardo

A espanhola Incus Capital é a entidade com quem os CTT – Correios de Portugal entraram em negociações exclusivas com vista à criação de um veículo especial para deter e gerir o portefólio de retalho e logística dos Correios, e que será maioritariamente detido pela empresa CTT, apurou o Jornal Económico (JE).

“A terceira parte a quem foi concedido o período de negociação exclusiva irá co-investir no veículo em conjunto com investidores adicionais”, segundo o comunicado dos CTT de 19 de junho.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

Afinal, que soluções existem para as empresas?

O Banco Português de Fomento lançou no início do ano os dois primeiros programas para apoiar a solvabilidade do tecido empresarial português. A banca está focada em aconselhar e montar as operações.

Presidente da Ryanair antecipa subida de preços nas ‘low-cost’

Michael O’Leary diz que o preço médio por bilhete deverá subir entre 10 a 20 euros nas viagens low-cost, que estão a tornar-se, segundo o mesmo, “demasiado baratas”.

Candidaturas selecionadas para o Consolidar conhecidas em julho

Os programas Recapitalização Estratégica e Consolidar têm gerado grande interesse, diz a presidente da comissão executiva do Banco Português de Fomento, Beatriz Freitas, ao Jornal Económico.
Comentários