Índice de Produção Industrial com subida homóloga de 4,9%, em agosto

O agrupamento de Bens de Investimento teve o maior contributo para a variação do índice, gerando uma taxa de variação de 23,1%, ao passo que o de Energia foi o único que registou um decréscimo, de 0,2%.

O Índice de Produção Industrial cresceu 4,9% em agosto face ao período homólogo (face a uma diminuição de 0,2% em julho). Excluindo o agrupamento de Energia, a variação foi de +5,9% (1,5% no mês anterior).

Por sua vez, deixando de lado os Bens de Consumo, todos os agrupamentos industriais tiveram variações homólogas mais favoráveis do que as observadas em julho, de acordo com os dados divulgados esta segunda-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

O agrupamento de Bens de Investimento teve, em agosto, o maior contributo para a variação do Índice total, ao ascender aos 3,0 pontos percentuais (p.p.), gerando uma taxa de variação de 23,1% (4,1% no mês precedente). Os agrupamentos de Bens de Consumo e de Bens Intermédios cresceram 1,2 p.p. e 0,7 p.p., respetivamente, com variações homólogas de 3,3% e 2,0% (3,6% e -1,5% em julho).

O agrupamento de Energia foi o único que registou um decréscimo, de 0,2% (depois de uma queda mais acentuada, de 8,0%, em julho).

O Índice de Produção Industrial cresceu 3,0% em agosto face ao mês anterior (-0,7% em julho). Todos os agrupamentos industriais tiveram contributos positivos para o índice total, com exceção do de Energia, que foi nulo (1,4% em julho e 0,2% em agosto).

Recomendadas

Expectativas de exportação na Alemanha aumentam em novembro, diz Ifo

Depois de uma queda no mês anterior, a indústria automóvel volta a ter expectativa de crescimento nas exportações.

Ucrânia: Angola admite impacto no aumento dos preços dos bens alimentares

Segundo o secretário de Estado do Planeamento angolano, Milton Reis, Angola apesar de ser um exportador líquido das “commodities” energéticas “não está imune aos efeitos deste conflito”.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta segunda-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcaram o dia informativo desta segunda-feira.
Comentários