Índice de sentimento económico na Alemanha melhora mais do que o esperado

O sentimento económico na Alemanha melhorou mais do que se estava à espera, mas continua em terreno negativo. Perspetiva dos mercados quanto à inflação explica evolução desse indicador. Quanto à zona euro, as expectativas melhoraram para -38,7 pontos, isto é, houve uma subida de 21 pontos.

4 – Alemanha

O índice de sentimento económico calculado pelo Instituto ZEW para a Alemanha voltou a melhorar, revelam os dados divulgados esta terça-feira. Fixou-se em -36,7 pontos, ficando, assim, acima do que que os analistas estavam à espera, mas ainda em terreno negativo.

Os mercados apontavam para uma melhoria desse indicador em 9,2 pontos percentuais, mas, afinal, verificou-se uma subida de 22,5 pontos para os tais -36,7 pontos. Ainda assim, manteve-se em terreno negativo, o que, regra geral, deixa perceber algum pessimista quanto aos próximos meses.

Também o indicador relativo à avaliação da situação económica atual da Alemanha melhorou, destaca a nota conhecida esta terça-feira. Subiu 7,7 pontos para -64,5 pontos. Os analistas estavam a apontar, em contraste, para uma melhoria para 68,4 pontos, o que significa que também este indicador superou as expectativas.

“O indicador do sentimento económico subiu novamente em novembro. Tal provavelmente está relacionado com a esperanças de um declínio iminente das taxas de inflação”, sublinha o presidente do Instituto ZEW,  Achim Wambach. “No entanto, as perspetivas económicas para a economia alemã ainda são claramente negativas”, realça.

Quanto à zona euro, as expectativas melhoraram para -38,7 pontos, isto é, houve uma subida de 21 pontos.

Recomendadas

EUA incluem Irão, grupo Wagner e talibãs na lista negra de liberdade religiosa

O Governo dos Estados Unidos anunciou hoje a sua ‘lista negra’ de países e organizações que atentam contra a liberdade religiosa, nela incluindo Cuba, China, Irão, Rússia, o grupo Wagner e os talibãs, entre outros.

Crise/Energia: Desconto no ISP reduz-se em dezembro com queda dos preços dos combustíveis

O Ministério das Finanças anunciou hoje que em dezembro há uma redução do desconto do ISP em 3,9 cêntimos por litro de gasóleo e em 2,4 cêntimos por litro de gasolina, tendo em conta a queda dos preços.

PremiumEmpresários pedem “velocidade” nos dossiers da economia e turismo

Confederações de empresários da indústria e de turismo agradecem aos secretários de Estado demissionários e esperam que os novos continuem o trabalho já realizado, concretizando planos anunciados.
Comentários