Inovar, Inovar, Inovar

A inovação e o desenvolvimento tecnológico das empresas associadas têm sido das maiores preocupações da NERSANT ao longo do tempo.

2017 não foi exceção. Durante estes 12 meses, a associação manteve o rumo e dinamizou uma bolsa de patentes / tecnologias, onde constam mais de 90 tecnologias inovadoras. Setenta destas tecnologias foram apresentadas no II Fórum da Inovação e do Empreendedorismo, que teve como objetivo facilitar o processo de transferência de tecnologia entre investigadores e empresas/empreendedores. Esta ligação é essencial para o futuro e desenvolvimento das startups. Através da Startup Santarém, a NERSANT foi líder nacional de submissão de candidaturas ao projeto Vale Incubação, com um total de 38 candidaturas submetidas. Esta incubadora, inaugurada em março de 2016, registou a sua plena ocupação com um total de 42 startups em incubação física ou virtual. Um resultado muito positivo do trabalho que temos vindo a desenvolver na região.

Ainda no apoio ao empreendedorismo, o nosso projeto “chapéu” – o Sítio do Empreendedor – continuou a registar excelentes indicadores: nos últimos 5 anos foram apoiados 1934 empreendedores, foram preparados 502 Planos de Negócios, e foram criadas 439 empresas e 623 postos de trabalho.

No âmbito da cooperação empresarial, em 2017, a NERSANT continuou a dinamizar o projeto VIVER O TEJO, que alberga num portal a oferta turística da região do Ribatejo.

No que se refere à internacionalização, um dos principais vetores de crescimento das nossas empresas, destaco a realização da sexta edição do NERSANT Business – Encontro Internacional de Negócios do Ribatejo, que este ano bateu todos os recordes de participação. No total foram 38 países, participaram mais de 70 empresários estrangeiros e 100 empresários portugueses, tendo-se realizado quase 1100 reuniões de negócios em apenas dois dias.

Também a formação-ação assumiu especial destaque através dos projetos Move PME (com 161) e Melhor Turismo 2020 (com 30 empresas) onde a NERSANT foi líder nacional na execução desta tipologia.

No apoio ao financiamento de PME, a NERSANT assinou um protocolo com o Grupo Crédito Agrícola, que permite às suas empresas associadas o acesso a condições preferenciais de produtos e serviços bancários. O protocolo contempla cinco linhas de crédito, perfazendo um total de 64 milhões de euros para as empresas associadas da NERSANT. Este protocolo visa também suprir uma das principais dificuldades que as empresas continuaram a enfrentar neste ano de 2017: o acesso ao financiamento.

A NERSANT tem já uma longa história na promoção da capacidade empresarial do distrito, hoje somos uma das associações empresariais regionais mais dinâmicas do país, e temos mais de 2600 empresas associadas, que representam mais de 90% do VAB da região.

Recomendadas

Combater a inflacção: um tempo de algum sacrifício e perseverança

É inegável que nos deparamos globalmente com um atípico surto inflaccionista, em muito determinado  por circunstâncias disruptivas que a guerra na Ucrânia fez explodir, nomeadamente na questão central do fornecimento e do preço dos bens energéticos e também dos bens alimentares de base.

Agressão ginecológica: um episódio, apenas

Não será tempo de expormos mais abertamente a violência ginecológica a que nós mulheres somos expostas? Sim. E nada desculpa este cenário, nem a luta entre médicos ginecologistas e Governo. A cada agressão deve corresponder uma queixa formal. Só assim podemos dizer com propriedade: “Sou dona do meu corpo. Exijo respeito, seja em que circunstâncias for”.

Winter is coming

Já repeti este título em crónicas anteriores, mas este inverno provavelmente vai ser o mais difícil que atravessei.
Comentários