Irão: Paramilitar morto e vários polícias feridos em confrontos perto de Teerão

Um paramilitar foi morto e 10 agentes da polícia e um clérigo ficaram hoje feridos em violentos confrontos com manifestantes no oeste de Teerão, de acordo a comunicação social oficial iraniana.

Hoje comemora-se o 40º dia de luto tradicional após a morte de Hadis Najafi, um manifestante de 22 anos morto durante um protesto a 21 de Setembro em Karaj, 30 quilómetros a oeste da capital.

A atual onda de protestos no Irão, protagonizados sobretudo por jovens e mulheres, surgiu após a morte, a 16 de setembro, da jovem Mahsa Amini, quando estava sob detenção da ‘polícia da moralidade’ sob a acusação de não ter o véu islâmico colocado devidamente.

A repressão tem vindo a endurecer, especialmente nas universidades, após a Guarda Revolucionária ter exigido, no sábado passado, o fim dos protestos.

Recomendadas

PremiumEUA e zona euro vão ter uma “aterragem dura” na pista da recessão no próximo ano

A subida das taxas de juro para controlar a inflação vai ter forte impacto na economia em 2023. Alemanha afunda acima da média, com China a crescer acima do previsto.

Premium“Para quem não tenha notado, a Rússia vai ficar ali” e a segurança da Europa passa por lá

As palavras do presidente francês cairam mal na invadida Ucrânia e nos longínquos EUA. Entretanto, ninguém sabe quais serão as consequências da decisão sobre petróleo russo.

PremiumPaíses ocidentais com fortes reservas face à coligação em Israel

A colocação de um extremista, racista e adepto da violência na direção do ministério que trata da segurança interna do país é considerado um desastre em potencial. A não ser que Netanyahu queira fazer com Itamar Ben-Gvir o mesmo que fez há uns anos com Ben Gantz.
Comentários