IVA da reconstrução das casas afetadas pelos incêndios vai para o Fundo Revita

O IVA da reconstrução das casas afetadas pelos fogos de junho vai reverter para o Fundo Revita, garantiu hoje o primeiro-ministro, em Figueiró dos Vinhos, após uma reunião com a Associação das Vítimas do Incêndio de Pedrógão Grande.

“Tal como já fizemos com as chamadas de valor acrescentado, também relativamente a todas estas despesas com a reconstrução essa receita reverterá para o Revita, para que os donativos para a reconstrução desta região continuem a ser donativos para a solidariedade”, disse António Costa.

 Segundo o primeiro-ministro, não é possível, “porque estamos sujeitos a regras comunitárias, alargar o âmbito das isenções, agora, podemos consignar esta receita a este fim e é isso que iremos fazer”.

Aos jornalistas, a presidente da Associação das Vítimas do Incêndio de Pedrógão Grande, Nádia Piazza, adiantou que vai ser desenvolvido um projeto-piloto dedicado ao trauma para as comunidades de desastre, “que foi o nosso caso”.

“Isso vai fazer história e ficar nos manuais do futuro para quando acontecer uma catástrofe não voltarmos à estaca zero”, disse Nádia Piazza, considerando que, no futuro, pode haver outro tipo de catástrofes.

O projeto-piloto vai incidir sobre os incêndios, que é o “tipo de catástrofe que nos afeta aqui no interior dado o nosso coberto vegetal, a orografia e agora os períodos de seca extrema”, acrescentou.

“Esta região passou por um trauma coletivo, então o trauma tem de ser trabalhado também em coletividade, com terapias em grupo, e há terapias fantásticas que têm resultado e que conseguem desconstruir imagens que é aquilo que nós carregamos muito”, sublinhou, emocionada, Nádia Piazza.

A presidente da Associação das Vítimas do Incêndio de Pedrógão Grande disse ainda que a questão das indemnizações às vítimas está resolvida e a cargo da Provedoria de Justiça

Relacionadas

Incêndios: Governo já apoiou 35 projetos de empresas afetadas e pagou dois milhões de euros

O primeiro-ministro, António Costa e o ministro do Planeamento e das Infraestruturas estão este sábado numa visita à região Centro para se inteirarem das operações de reconstrução das zonas afetadas pelos incêndios do verão.

Pedrógão: Seis meses depois do incêndio, falta começar obras em 20 das 264 casas

A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro espera que a totalidade das casas destruídas em Pedrógão Grande esteja reconstruída em meados de 2018.

“Incêndios” e “afeto” lideram a lista de preferências para a Palavra do Ano 2017

O vocábulo “incêndios”, que lidera as intenções dos cibernautas, foi escolhido por causa dos “sucessivos incêndios que se fizeram sentir durante este ano em todo o país”, explica a Porto Editora.

Centro que fez relatório sobre Pedrógão acusa EDP de limpar indícios da origem do fogo

O coordenador do Centro de Estudos sobre Incêndios Florestais da Universidade de Coimbra disse à TSF que a energética foi a dois locais limpar árvores após ter conhecimento do relatório.

Incêndios: Provedora da Justiça pede a famílias de vítimas de fogos para solicitarem indemnizações

A Provedoria de Justiça garante que tem tudo preparado para que os pedidos sejam processados o mais rapidamente possível, mas adianta que as indemnizações não vão chegar a antes do Natal.
Recomendadas

Eduardo Cabrita é candidato a diretor executivo da Frontex

O ex-ministro da Administração Interna apresentou a sua candidatura individual a este cargo em julho, tendo sido uma das 78 inscrições internacionais à posição máxima neste órgão europeu, avançou a rádio “Renascença” e confirmou o jornal online “Observador”.

Cascais ajuda famílias a combater a inflação com 44 milhões

A autarquia liderada por Carlos Carreiras aprovou por unanimidade um pacote de 70 medidas, entre as quais bolsas para creches, no caso das crianças com 3 a 36 meses, bem como bolsas para estudantes de licenciaturas e mestrados.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta quinta-feira, 6 de outubro

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcaram o dia informativo desta quinta-feira.
Comentários