Janssen Portugal está a recrutar para programa de estágios

Programa Early Talent tem cerca de 20 vagas em áreas que vão das Ciência Vida até ao Marketing, decorrendo o período de candidaturas até ao próximo dia 3 de junho.

A Janssen Portugal lança uma última chamada para o seu programa de estágios 2022/23, cujo período de candidaturas termina no próximo dia 3 de junho. Early Talent, assim se chama o programa,  tem a duração de um ano e pretende “capacitar jovens licenciados”.

A empresa informa que nesta edição estão abertas cerca de 20 vagas e lembra que, nos últimos cinco anos, “formou” para cima de 100 estagiários, com uma taxa de retenção na ordem dos 60%.

O mapa das formações dos candidatos abrange áreas muito diversas, desde as Ciências da Vida, que inclui a Bioquímica, Ciências Biomédicas, Engenharia Biomédica, Genética e Biotecnologia e Engenharia Química, até às Ciências da Saúde, como Medicina, Enfermagem, Ciências Farmacêuticas, passando pelas áreas do Marketing, Economia e Gestão, entre outros.

Desde o lançamento do Early Talent, em 2016, até à data, a Janssen contratou 55 colaboradores, no âmbito deste programa, tendo criado “oportunidades para jovens licenciados com formações, experiências e ambições variadas”.

A Janssen refere ter realizado “investimentos contínuos no país, não só no crescimento das suas áreas de atividade, como na capacitação dos seus colaboradores”. Atualmente, emprega cerca de 200 colaboradores em Portugal, dos quais 90% com formação superior.

“A Janssen quer continuar a aumentar a sua pegada económica no país e isso só se faz com pessoas”, afirma Filipa Mota e Costa. A diretora-geral da Janssen Portugal sublinha a “qualidade dos recursos humanos no país que nos tem permitido não só crescer aqui, como exportar talento para a estrutura regional e global, a partir de Portugal”.

Recomendadas

Sovena e Fundação Amélia de Mello apoiam a formação profissional

No âmbito desta parceria, a Sovena e a Fundação Amélia de Mello irão estabelecer protocolos com cinco escolas profissionais do país, tendo sido já celebrados os protocolos com a ATEC- Academia de Formação, o Agrupamento de Escolas nº 3 de Elvas e a EPED- Escola Profissional de Educação para o Desenvolvimento. A Fundação Amélia de Mello também atribui os prémios Alfredo da Silva 2022 a investigadores.

Universidade de Aveiro atuará “com rapidez e firmeza” no caso do docente que apelidou comunidade LGBTI+ de “lixo humano”

No ano passado, a mesma reitoria abriu um inquérito ao professor em questão, também devido à publicação nas redes sociais de textos de alegado caráter discriminatório.

Feedzai cria bolsas de estudo “Women in Science” em parceria com o Instituto Superior Técnico

As candidaturas estão abertas até dia 31 de agosto e a seleção das candidatas será feita no mês de setembro. As condições de acesso e o formulário de candidatura estão disponíveis online. 
Comentários