Japão trabalha em “recuperação económica” após contração do PIB

O Governo japonês disse hoje que está a trabalhar na recuperação económica do país, após anunciar uma queda trimestral de 0,3% do Produto Interno Bruto (PIB), entre julho e setembro.

7 – Tóquio

“O investimento de capital por parte das empresas e também o consumo individual estão a aumentar graças à normalização das atividades, pelo que não há alteração das nossas previsões, mas estamos a trabalhar para que a economia possa recuperar com as nossas medidas”, disse o porta-voz do Governo numa conferência de imprensa.

As declarações de Hirakazu Matsuno foram feitas após a publicação de novos dados do PIB, que representam a primeira queda após três trimestres de evolução positiva da economia japonesa, causada pelo fraco consumo interno, um dos fatores-chave do PIB nipónico, de acordo com dados das autoridades.

A contração da economia japonesa durante o terceiro trimestre de 2022 vem interromper um caminho da recuperação em que o PIB japonês se encontrava desde o último trimestre do ano passado, quando o índice subiu 1%, de acordo com os números revistos.

Seguiu-se um crescimento de 0,1%, entre janeiro e março, e de 1,1% no trimestre seguinte, sustentados, em grande medida, por um programa de ajuda ao consumo e às atividades do setor privado face ao impacto de uma inflação galopante.

Neste sentido, Matsuno também defendeu a aprovação do novo orçamento retificativo de 29,1 biliões de ienes (cerca de 198 mil milhões de euros), parte de um extenso pacote económico destinado a mitigar a subida dos preços no país.

“Faremos tudo o que estiver ao nosso alcance para que o orçamento seja aprovado, enquanto executamos outras medidas já aprovadas para que os cidadãos sintam que estão a ser apoiados”, disse Matsuno sobre o plano que o Governo está a tentar aprovar antes do encerramento da atual sessão parlamentar, no início de dezembro.

Um dos pontos-chave deste pacote económico é a redução das faturas de serviços básicos, como a eletricidade e o gás, tanto para as famílias como para as empresas, onde o aumento dos preços da energia e das mercadorias foi acentuado pelo iene fraco.

O ministro das Finanças japonês, Shunichi Suzuki, também fez uma avaliação positiva dos dados do PIB e disse que “embora o crescimento fosse negativo, a procura interna continuou a recuperar devido ao consumo pessoal e ao investimento de capital empresarial”.

Recomendadas

PremiumProtestos na China “não têm dimensão de revolta política”

Os protestos face à política Covid zero na China chegaram a assumir alguma violência, mas os analistas não conseguem descobrir em Guangzhou qualquer sintoma da morte iminente do regime de Xi Jinping. ANATO manteve um olhar atento ao país asiático.

Joe Biden assina lei que evita greve ferroviária antes do Natal nos EUA

O Presidente dos EUA, Joe Biden, assinou hoje uma lei que impede a greve ferroviária em véspera de Natal, mas que vai contra as exigências de alguns sindicatos, ao deixar os trabalhadores sem dias de baixa por doença remunerados.

UE aprova proposta de limite de 60 dólares por barril de petróleo russo

Os países da União Europeia (UE) concordaram com um limite de preço de 60 dólares por barril para o petróleo russo, no âmbito das sanções para evitar picos de preços de combustíveis e para prejudicar os interesses de Moscovo.
Comentários