JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta quarta-feira, 7 de dezembro

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcaram o dia informativo desta quarta-feira.

 

Ouça e acompanhe o podcast “JE Notícias” em:

Spotify | Google Podcasts | Apple Podcasts

 

 
Um júri em Nova Iorque condenou a Organização Trump por fraude fiscal criminosa, numa ocasião onde o ex-presidente não esteve presente, segundo o “The Guardian”.

Os responsáveis do caso apresentado pelo promotor do distrito de Manhattan insistiram que Donald Trump estava plenamente ciente do esquema de longa data.
 

 
Tanto na zona euro como na União Europeia (UE) o terceiro trimestre do ano foi sinónimo de uma desaceleração económica, revelam os dados divulgados esta quarta-feira. Entre julho e setembro, também o Produto Interno Bruto (PIB) português abrandou, mas conseguiu, ainda assim, crescer mais do que a média comunitária e da área da moeda única.

Segundo a nota publicada esta manhã pelo Eurostat, no terceiro trimestre, o PIB da zona euro cresceu 2,3% e o da UE 2,5%, em termos homólogos. Ora, no trimestre anterior, tinha subido 4,2% e 4,3%, respetivamente, o que significa que, entre julho e setembro, houve uma desaceleração.
 

 
O texto final sobre a despenalização da morte medicamente assistida foi hoje aprovado na especialidade, com votos contra de Chega e PCP, e abstenção do PSD, depois de os sociais-democratas terem tentado um novo adiamento.

A votação do texto na Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, contou com os votos a favor de PS, IL e BE.
 

 
O índice de preços divulgados pelo idealista indica que os preços das casas para arrendar em Portugal apresentaram uma subida de 2,9% em novembro face ao mês anterior.

No final do mês de novembro, arrendar casa tinha um custo de 12,5 euros por metro quadrado, tendo em conta o valor mediano. Na variação trimestral a subida foi de 7.9% e a anual de 16,3.
 

 
O presidente executivo da EDP, Miguel Stilwell de Andrade, afirmou hoje que a elevada penetração de energias renováveis tem permitido a Portugal ser “um exemplo” de estabilidade de preços para clientes domésticos apesar do contexto internacional volátil.

Em declarações aos jornalistas durante uma visita a um parque solar flutuante em Singapura, o CEO da EDP disse que a evolução dos preços em Portugal, incluindo um aumento médio de cerca de 3% do valor global da fatura de eletricidade dos clientes residenciais da EDP Comercial a partir de janeiro, “é uma coisa perfeitamente estável face ao enquadramento que existe”.
 

 
A China aboliu hoje várias medidas de prevenção contra a covid-19, incluindo o isolamento em instalações designadas de todos os casos positivos, sinalizando o fim da estratégia ‘zero casos’, que é fonte de descontentamento popular.

O Conselho de Estado (Executivo) anunciou que quem testar positivo para o vírus pode, a partir de agora, cumprir isolamento em casa, em vez de ser enviado para instalações designadas, muitas vezes em condições degradantes.
 

 
Após três adiamentos, a votação na especialidade do texto final sobre a morte medicamente assistida está agendada para hoje no parlamento, tentando ultrapassar o veto político do Presidente da República.

O debate e votação na Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias do texto, que tem por base projetos de lei do PS, Iniciativa Liberal, BE e PAN, já foi adiado três vezes.
 

 
Os trabalhadores da Autoeuropa chumbaram o pré-acordo laboral que previa um aumento extraordinário de 5,2% por uma diferença de apenas 181 votos, no referendo realizado nos dias 04 e 05 de dezembro, revelou esta terça-feira fonte sindical.

Dos mais de cinco mil trabalhadores da fábrica de automóveis da Volkswagen, em Palmela, no distrito de Setúbal, só 3.865 exercerem o direito de voto, 2.007 dos quais votaram contra o pré-acordo e 1.826 a favor. Houve ainda 10 votos nulos e 22 brancos.
 

 
O ministro das Infraestruturas apelou esta terça-feira a um entendimento entre o sindicato de tripulantes e a administração da TAP, de forma a evitar os dias de paralisação anunciados e o consequente agravamento da situação económica da empresa.

“O apelo que posso fazer é para que a administração, mas também o sindicato faça um esforço de entendimento e que se consiga poupar a TAP a mais cinco dias de greve”, afirmou esta tarde Pedro Nuno Santos, quando questionado pelos jornalistas sobre a intenção do Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) de avançar para, pelo menos, mais cinco dias de greve até 31 de janeiro.

Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta quarta-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta quarta-feira.

Manchester City contrata advogado de Boris Johnson no ‘Partygate’. Lord Pannick cobra 450 mil euros por semana

O clube inglês está empenhado em defender-se das acusações da Premier League sobre a violação das regras do fair-play financeiro e conta com os serviços do advogado que anulou a decisão do Tribunal Arbitral do Desporto em 2020, de proibir o Manchester City de participar nas provas da UEFA durante dois anos.
Comentários