Jogador do Bayern de Munique recusou tomar vacina e agora está infetado

Volvido um ano, e sem estar vacinado, Kimmich contraiu Covid-19 e, inclusive, desenvolveu um problema pulmonar que o manterá afastado dos relvados até, pelo menos, ao final do ano, garantiu o clube da Baviera.

Joshua Kimmich (85 milhões de euros)

Joshua Kimmich, internacional alemão que atua no FC Bayern, foi um dos jogadores recusou tomar a vacina contra a Covid-19 antes do ínicio da temporada 2021/22. Esta semana esteve ausente do jogo a contar para a Liga dos Campeões contra o FC Barcelona, com o portal “Goal.com” a avançar que o atleta de 26 anos está infetado com Covid-19.

O treinador da altura, Hansi Flick, defendeu o atleta de algumas das reações negativas que recebeu pela sua postura em relação à vacina, insistindo que o jovem de 26 anos queria fazer a sua pesquisa antes de decidir.

Volvido um ano, e sem estar vacinado, Kimmich contraiu Covid-19 e, inclusive, desenvolveu um problema pulmonar que o manterá afastado dos relvados até, pelo menos, ao final do ano, garantiu o clube da Baviera.

Outra das curiosidades é que o médio defensivo alemão, teria decidido tomar a vacina esta semana, conforme relatado pelo FC Bayern. Após ter sido infetado, Kimmich terá de recuperar da doença, e aguardar seis meses até consumar a inoculação.

Joshua Kimmich é atualmente um dos futebolistas mais valiosos do mundo, 90 milhões de euros, segundo os dados do Transfermarkt. Foi seis vezes campeão da primeira liga alemã, venceu por três ocasiões a taça da Alemanha, e conta com uma Liga dos Campeões no currículo. Ao nível de seleções, acumula uma taça das confederações e o campeonato da Europa de sub-19.

Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta segunda-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcaram o dia informativo desta segunda-feira.

Santos Silva nega problema com o Qatar e assegura tranquilidade aos emigrantes (com áudio)

O presidente da Assembleia da República (AR), Augusto Santos Silva, assegurou hoje que não há qualquer problema de relacionamento entre Portugal e o Qatar, e salientou que todos os portugueses residentes naquele país asiático “podem estar tranquilos”.

Mundial2022: Federação do Irão acusa a dos EUA de suprir símbolo de Alá

“Num ato não profissional, a página do Instagram da Associação Americana de Futebol removeu o símbolo de Alá da bandeira iraniana”, denunciou agência de notícias oficial Irna, que revelou o facto da federação iraniana ter enviado um email à FIFA “para exigir que envie um aviso sério” à sua congénere.
Comentários