KuantoKusta desenvolve comparador de preços para ajudar consumidores a poupar na Black Friday

Através da nova ferramenta, que se encontra disponível na página “Melhores Preços” do comparador é possível identificar as melhores oportunidades de poupança, evitando compras acima do preço médio praticado.

O KuantoKusta desenvolveu uma ferramenta de comparação de preços para ajudar os consumidores a identificar a descida de preço real dos produtos à venda, em percentagem, em relação à média dos preços mais baixos dos 30 dias anteriores à consulta.

“Ao invés de utilizar o desconto prometido pelas diferentes promoções, como é habitual as lojas fazerem, o KuantoKusta disponibiliza uma comparação do preço atual dos produtos com o preço médio mínimo dos últimos 30 dias, identificando assim a poupança real para os consumidores”, explica a empresa num comunicado emitido a propósito da novidade.

Através da nova ferramenta, que se encontra disponível na página “Melhores Preços” do comparador, é possível identificar as melhores oportunidades de poupança, evitando compras acima do preço médio praticado.

Segundo Ricardo Pereira, diretor de marketing do comparador de preços e markeplace, a “nova oferta para os utilizadores visa, essencialmente, aumentar a transparência e dar acesso ao valor real da poupança que determinada descida de preço representa. Para além deste alerta, os consumidores continuarão a conseguir ver a evolução do preço mínimo e do preço médio de cada produto no nosso Histórico de Preços”.

Recomendadas

Evite o desperdício neste Natal. Conheça algumas dicas para um Natal mais sustentável e económico

Quanto aos embrulhos, os enfeites dos presentes, sugerimos que não rasgue o papel de embrulho e experimente estimá-lo e guardá-lo. Já pensou em optar por papel de jornais ou revistas para os embrulhos? Original e divertido.

Europ Assistance e Club Tek lançam seguro contra danos e roubo de telemóveis, tablets e computadores

A seguradora garante a reparação do equipamento em caso de danos acidentais (elétricos, danos por água, quebra de teclas, danos no ecrã). Se a reparação não for possível, o cliente tem direito à substituição do equipamento por outro novo com as mesmas características.

Sabia que as dívidas também prescrevem? Saiba mais sobre estes prazos

Relembramos que existem exceções na lei que podem alterar algum destes prazos. Por isso, o melhor será sempre o consumidor contactar primeiramente entidades que o possam ajudar e não deixar arrastar a situação. 
Comentários