Lagarde, os preços americanos e o IRC a 15%. Veja o “Mercados em Ação”

Acompanhe o “Mercados em Ação” no site e nas redes sociais do Jornal Económico. E reveja-o através da plataforma multimédia JE TV.

Nesta edição, Shrikesh Laxmidas (diretor-adjunto do JE), Marco Silva (consultor de estratégia e investimento) e João Queiroz  (head of trading do Banco Carregosa), fazem a antevisão da reunião do Conselho de Governadores do Banco Central Europeu e da divulgação dos dados da inflação nos EUA em maio, dois eventos que vão ter lugar esta quinta-feira.

Depois dos habituais números e gráficos da semana, o foco irá estar na análise do dados do emprego nos EUA e ainda na decisão do G7 de instituir uma taxa mínima empresarial, equivalente ao IRC, de 15%.

Recomendadas

Chelsea e o cheque de 612 milhões: o “fair-play” da UEFA é uma treta? Veja o “Jogo Económico

Será o “fair-play” financeiro da UEFA para levar a sério? Só o Chelsea gastou mais dinheiro em janeiro do que todos os clubes na Bundesliga, La Liga, Serie A e Ligue 1 e esta época, os “blues” investiram 612 milhões de euros. Luís Cassiano Neves, sócio fundador da 14 Sports Law, é o convidado desta edição.

“Recessão? Não me espantaria que não houvesse”. Veja as escolhas da semana no “Mercados em Ação”

Conheça as escolhas da semana do programa da plataforma multimédia JE TV numa edição que contou com a análise de Miguel Gomes da Silva, head of treasury and trading do Montepio.

“Não vejo as fintech como uma grande ameaça à banca”. Veja a entrevista ao CEO da Nickel, Thomas Courtois

A Nickel quer abrir 2.500 balcões e alcançar 450 mil clientes em Portugal nos próximos cinco anos, mas o CEO da fintech francesa não se compromete a manter a anuidade de 20,80 para sempre. A crise na banca abriu a porta a novos players, mas coexistência é possível, diz em entrevista à JE TV.
Comentários